Campanhas Afegãs de 1878 a 1880

Descrição

Campanhas Afegãs de 1878 a 1880 é um relato de dois volumes sobre a Segunda Guerra Anglo-Afegã (de 1878 a 1880) de Sydney H. Shadbolt, um advogado de Londres e autor de obras sobre assuntos imperiais. O primeiro volume, intitulado “Divisão Histórica”, inclui um esboço da guerra e dos movimentos das forças, ilustrados por mapas. O segundo volume, intitulado “Divisão Biográfica”, contém fotografias de albumina e pequenas biografias dos 140 oficiais britânicos, juntamente com um pequeno número de civis do serviço diplomático, mortos na campanha. Os homens são listados em ordem alfabética. A maioria foi morta em combate, mas a lista também arrola os que morreram de febre tifoide, cólera e outras causas. A biografia mais longa do livro é a do major Sir Pierre Louis Napoleon Cavagnari, o conselheiro do exército britânico nascido na França que negociou o Tratado de Gandamak em maio de 1879, e que foi morto por tropas rebeldes afegãs em Cabul em setembro de 1879, enquanto trabalhava como emissário e ministro plenipotenciário do governo britânico na corte do emir Ya‘qub Khan. A seção final do volume biográfico lista os 13 homens que receberam a Cruz Vitória (a mais alta condecoração militar concedida por bravura no exército britânico), e relata os atos de coragem que concedeu-lhes tal honra. A lista inclui principalmente oficiais, mas também registra um artilheiro, um sargento e um segundo-cabo.

Última Atualização: 27 de julho de 2016