Afeganistão e a disputa anglo-russa

Descrição

Theophilus Francis Rodenbough (1838 a 1912) foi um oficial do Exército da União na Guerra Civil Americana que recebeu a Medalha de Honra do Congresso por suas ações na batalha da Estação Trevilian (Virgínia) em junho de 1864. Depois de se aposentar do exército em 1870, Rodenbough escreveu vários livros sobre temas militares. Na primavera de 1885 ele escreveu rapidamente Afeganistão e a disputa anglo-russa, pois parecia que a Rússia e o Império Britânico estavam se preparando para entrar em guerra por causa da presença de forças militares russas na região sul de Merv (perto da atual cidade de Mary, no Turcomenistão). De acordo com algumas informações os russos estavam estabelecidos na estrada que ia para Herat, no Afeganistão, fato considerado pelos britânicos como ameaça ao Afeganistão e, através do território afegão, à Índia. Seguida de capítulos introdutórios sobre a geografia e a história recente da Ásia Central e do Afeganistão, a principal parte do livro se concentra em dois capítulos: “Forças e rotas britânicas” e “Forças e abordagens russas”. Cada um desses capítulos discute temas como organização, dimensão, distribuição geográfica, sistemas de transporte e abastecimento e liderança dos dois exércitos. O capítulo sobre o Império Britânico fala das rotas que partiam da Índia Britânica (pelo atual Paquistão, na época parte da Índia) e chegavam ao Afeganistão, pelas quais parte do exército britânico usaria para enfrentar os russos; o capítulo sobre os russos descreve as rotas que as forças russas poderiam usar para atacar Herat. No capítulo final, “Análise da situação militar”, Rodenbough aprova a ideia do tenente-general britânico Sir Edward Bruce Hamley de que os interesses britânicos seriam melhor atendidos se o combate com os russos fosse travado na linha de Candaar-Gázni-Cabul. No final, a crise de 1885 foi controlada por meio da diplomacia, não havendo guerra entre Rússia e Grã-Bretanha. O livro é ilustrado com esboços de cenas do Afeganistão e retratos de importantes figuras políticas afegãs. A obra apresenta três mapas, com destaque para um grande mapa desdobrável do Afeganistão e das áreas vizinhas, elaborado e corrigido com base nas últimas pesquisas militares.

Última Atualização: 17 de agosto de 2016