Inglaterra e Rússia no Oriente

Descrição

Henry Creswicke Rawlinson (de 1810 a 1895) foi um estudioso e diplomata britânico, mais conhecido por suas contribuições para o campo da assiriologia. Em 1827 ele entrou para o serviço da Companhia das Índias Orientais, onde ocupou diversos cargos. Trabalhou na reorganização do exército persa entre 1833 e 1839, e em 1843 foi nomeado agente político da Companhia das Índias Orientais na Arábia turca. Mais tarde Rawlinson serviu como cônsul-geral em Bagdá, onde além de suas funções oficiais participou de expedições arqueológicas e trabalhou na decodificação de tabuletas cuneiformes acadianas. Em 1856 ele voltou para a Inglaterra, e em 1858 foi eleito para integrar o Parlamento como membro do Partido Conservador. Rawlinson trabalhou brevemente como ministro britânico na Pérsia, onde era conhecido por sua atitude firme em relação à Rússia, que considerava uma ameaça crescente à segurança da Índia Britânica e aos interesses britânicos na região. Inglaterra e Rússia no Oriente, publicada em 1875, é uma coleção de cinco ensaios de Rawlinson sobre assuntos concernentes à Pérsia, ao Afeganistão e à Ásia Central, três dos quais são reimpressões de artigos apresentados na Calcutta Review e na Quarterly Review, e os outros dois escritos para este volume. Rawlinson se concentra na percepção da ameaça russa e argumenta que “caso a Rússia se aproxime de Herat, será indispensável para a segurança da Índia que retomemos a ocupação militar do oeste do Afeganistão...”.  O capítulo quatro da obra, “Ásia Central”, é a parte mais acadêmica e menos polêmica do livro, oferecendo uma visão abrangente da geografia de toda a região, que Rawlinson define como situada “entre o império russo, ao norte, e o império indiano-britânico, ao sul, incluindo, talvez, uma parte da província persa de Coração, ao oeste, e do Turquestão Oriental, ao leste”. Rawlinson oferece uma riqueza de detalhes sobre a região, extraída de todas as principais autoridades britânicas, russas, alemãs e francesas, bem como do conhecimento adquirido com suas próprias viagens e observações. O apêndice inclui textos inteiros ou extratos de tratados regionais que datam de 1853 a 1874.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

John Murray, Londres

Idioma

Título no Idioma Original

England and Russia in the East

Tipo de Item

Descrição Física

393 páginas: mapa; 22 centímetros

Referências

  1. R.W. Ferrier and Stephanie Dalley, “Rawlinson, Sir Henry Creswicke, first baronet (1810‒1895),” in Oxford Dictionary of National Biography (Oxford, U.K.: Oxford University Press, 2004).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 27 de julho de 2016