Equipe de saúde durante uma campanha contra o tifo, Polônia

Descrição

Durante a Primeira Guerra Mundial e nas guerras e revoltas que se seguiram, a destruição de casas e instalações de banho públicas na Polônia e o deslocamento de grandes populações resultaram em generalizadas epidemias de tifo e outras doenças. O Comitê Judaico-Americano de Distribuição Conjunta (JDC), uma organização humanitária criada para ajudar os judeus afetados pela guerra e suas consequências, apoiou o trabalho médico e sanitário realizado por organizações regionais existentes. Em abril de 1920, o JDC enviou um doutor americano chamado Harry Plotz, o descobridor da vacina contra o tifo, para investigar as condições da crise na Polônia (incluindo regiões que atualmente fazem parte da Ucrânia) e desenvolver uma abordagem mais sistemática e abrangente para prevenir a propagação da doença. Plotz trouxe uma equipe de médicos, enfermeiros e inspetores de saúde e uma máquina móvel para remover piolhos, que aquecia roupas e cobertores a temperaturas muito altas. Esta fotografia mostra uma equipe de profissionais médicos envolvidos na campanha contra o tifo. A fotografia faz parte dos arquivos do JDC, que contêm documentos, fotografias, filmes, vídeos, histórias orais e artefatos que registram o trabalho da organização desde a Primeira Guerra Mundial até os dias de hoje.

Última Atualização: 11 de setembro de 2017