Jornada na Índia Oriental durante os anos de 1748 e 1749

Descrição

Ost-Indisk Resa 1748 och 1749 (Jornada na Índia Oriental durante os anos de 1748 e 1749) é um diário escrito por Gustaf Fredrik Hjortberg (de 1724 a 1776). O documento é um dos remanescentes diários e registros de expedição ainda existentes da Svenska Ostindiska Companiet (SOIC, Companhia Sueca das Índias Orientais), que funcionou entre 1731 e 1813. Holanda, Grã-Bretanha e Portugal foram as primeiras potências navais a realizarem negócios lucrativos com as Índias Orientais, e desde o começo a SOIC também foi muito bem-sucedida. Ela era a maior empresa mercantil de seu tempo na Suécia, comerciando principalmente chá, mas também porcelana, seda, especiarias e outras mercadorias. Hjortberg trabalhou como médico no navio em três das viagens da empresa entre 1748 e 1753. Ele deixou relatos de suas viagens para a Academia Real de Ciências da Suécia, entre eles algumas observações zoológicas. Depois que Hjortberg retornou para a Suécia, ele foi nomeado vigário em Vallda, uma paróquia no sul da Suécia. O manuscrito está encadernado num volume de papel salpicado de vermelho no tamanho in-quarto. É composto de 179 páginas, incluindo três mapas entre elas. A obra fazia parte da biblioteca Drottningholm Palace (catálogo número 50), a residência privada da família real sueca, e em algum momento foi transferida para a biblioteca da Academia Real de Ciências da Suécia. Desde 1942 a obra faz parte da coleção de manuscritos da Biblioteca Nacional da Suécia.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Ost-Indisk Resa 1748 och 1749

Tipo de Item

Descrição Física

179 páginas: ilustrações; 29 x 24 centímetros

Observações

  • Código: M 281a

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 23 de março de 2017