Flora Arabica, parte 1. Registros da Pesquisa Botânica da Índia, Volume 8, número 1

Descrição

Flora Arabica (Flora Arábica) é um catálogo botânico das plantas da Arábia. A obra contém seis volumes que cobrem a totalidade da Península Arábica: o oeste extratropical, o oeste tropical, o leste tropical, e o leste extratropical, incluindo a região do Golfo Pérsico. O catálogo foi produzido pelo padre Ethelbert Blatter, e boa parte de seu conteúdo se baseia no herbário do Museu Britânico, que sozinho continha registros de outras coleções. O autor afirma que Flora Arabica contém “todo o material vegetal já coletado na Arábia”. A obra é notável pela inclusão dos nomes nativos das plantas em árabe e persa, incluindo variantes de dialetos regionais. Até o final do século XX, a obra Flora Arabica de Blatter permaneceu em primeiro lugar entre os livros de referência sobre plantas árabes. Ethelbert Blatter (de 1877 a 1934) foi um padre jesuíta suíço e botânico pioneiro na Índia. Ele deixou sua terra natal para estudar na Alemanha e nos Países Baixos, e mais tarde estudou assuntos teológicos na Inglaterra. Em 1903, Blatter se mudou para Mumbai (Bombaim), Índia, para lecionar em Saint Xavier College e trabalhar com pesquisas botânicas e publicações, trabalho que teve até o fim de sua vida. Embora suas principais contribuições tenham ocorrido na Índia Britânica, seus livros sobre as plantas de Áden e da Arábia também são importantes contribuições para a literatura botânica. Flora Arabica inclui o Volume 8 dos Registros da Pesquisa Botânica da Índia (BSI ou a Pesquisa). O BSI foi estabelecido em 1890 com a finalidade de identificar as plantas da Índia e seu valor econômico. O interesse europeu na flora indiana data dos primeiros dias de exploração e expansão colonial. A partir do século XVI, portugueses, holandeses e britânicos coletaram e estudaram plantas nativas. À medida que as terras sob o controle da Companhia Britânica das Índias Orientais cresciam em extensão, aumentava-se o estudo da vida vegetal no norte e noroeste do subcontinente indiano. A expansão econômica e imperial estendeu as pesquisas além das fronteiras da Índia Britânica, chegando à Birmânia (Mianmar) e à Península Arábica.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Editora do governo, Calcutá

Título no Idioma Original

Flora Arabica, Part I. Records of the Botanical Survey of India, Volume VIII, Number 1

Tipo de Item

Descrição Física

123 páginas; 24 centímetros

Referências

  1. A.G. Miller and T.A. Cope, Flora of the Arabian Peninsula and Socotra (Edinburgh: Edinburgh University Press, 1996).
  2. Agustin Udias, Jesuit Contribution to Science: A History (Heidelberg: Springer, 2015).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 21 de abril de 2017