Arabia Infelix, ou os turcos no Iêmen

Descrição

Arabia Infelix; ou os turcos no Iêmen é uma história do Iêmen e da região sul da Península Arábica desde os tempos mais antigos até a véspera da Primeira Guerra Mundial. George Wyman Bury (de 1874 a 1920) foi um aventureiro e em algum momento um soldado que passou 16 anos explorando as regiões montanhosas do Iêmen. Arabia infelix abrange todos os aspectos do Iêmen, que, até o final da guerra, fazia parte do Império Otomano. Os capítulos tratam de histórias bíblicas e antigas, da flora e fauna, dos modos e costumes de sua população rural e urbana, bem como a vida econômica, comercial e política. Antigamente, a região árida que se estende da Anatólia a Áden era dividida basicamente em três partes: Arábia Deserta, Arábia Pétrea (a fronteira do Império Romano) e Arábia Feliz (ou Iêmen), assim chamada porque havia chuva o suficiente para se ter uma economia agrícola. Ao intitular seu livro como Arabia infelix (Arábia Infeliz), Bury indica sua visão de que o domínio turco foi um impedimento para a prosperidade e o bem-estar do país. G. W. Bury passou a maior parte de sua vida fora da Inglaterra, seu país de origem, vivendo em partes da África, no Iêmen e depois no Egito, onde serviu no exército britânico como oficial subalterno e analista militar. Constantes problemas de saúde prejudicaram sua carreira e encurtaram sua vida. Ele morreu em convalescença em Helwan, um local para tratamento de saúde próximo ao Cairo.  Suas outras obras incluem A Terra de Uz, uma narrativa de viagem escrita sob o pseudônimo de Abdullah Mansur, e Pan-Islam, um estudo de pós-guerra de tentativas turcas e alemãs de unir o mundo muçulmano contra os poderes aliados na Primeira Guerra Mundial. Os escritos de Bury nem sempre eram bem recebidos, talvez porque carecia da influência e da seriedade de escritos produzidos por outros viajantes. Seu estilo é quase coloquial, como neste gracejo sobre a vida de insetos no Iêmen: “O inseto rastejante que predomina no Iêmen é certamente o milípede”. O livro contém três mapas e diversas fotografias de paisagens, imagens de cidade e o povo iemenita.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Macmillan and Co., Limited, Londres

Idioma

Título no Idioma Original

Arabia Infelix, or the Turks in Yamen

Tipo de Item

Descrição Física

213 páginas: 3 mapas; 22 centímetros

Referências

  1. Eric Macro, “The Red Sea and Wyman Bury—The Last Seven Years, 1913‒1920,” in G. Rex Smith, J.R. Smart, and B.R. Pridham, editors, New Arabian Studies 4. (Exeter, U.K.: Exeter University Press, 1997).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 29 de dezembro de 2015