Flora Arabica: A Exploração Botânica da Arábia. Registros da Pesquisa Botânica da Índia, Volume 8, número 5

Descrição

Flora Arabica (Flora Arábica) é um catálogo botânico das plantas da Arábia. A obra contém seis volumes que cobrem a totalidade da Península Arábica: o oeste extratropical, o oeste tropical, o leste tropical, e o leste extratropical, incluindo a região do Golfo Pérsico. O catálogo foi produzido pelo padre Ethelbert Blatter, e boa parte de seu conteúdo se baseia no herbário do Museu Britânico, que sozinho continha registros de outras coleções. O autor afirma que Flora Arabica contém “todo o material vegetal já coletado na Arábia”. A obra é notável pela inclusão dos nomes nativos das plantas em árabe e persa, incluindo variantes de dialetos regionais. Até o final do século XX, a obra Flora Arabica de Blatter permaneceu em primeiro lugar entre os livros de referência sobre plantas árabes. Ethelbert Blatter (de 1877 a 1934) foi um padre jesuíta suíço e botânico pioneiro na Índia. Ele deixou sua terra natal para estudar na Alemanha e nos Países Baixos, e mais tarde estudou assuntos teológicos na Inglaterra. Em 1903, Blatter se mudou para Mumbai (Bombaim), Índia, para lecionar em Saint Xavier College e trabalhar com pesquisas botânicas e publicações, trabalho que teve até o fim de sua vida. Embora suas principais contribuições tenham ocorrido na Índia Britânica, seus livros sobre as plantas de Áden e da Arábia também são importantes contribuições para a literatura botânica. Flora Arabica inclui o Volume 8 dos Registros da Pesquisa Botânica da Índia (BSI ou a Pesquisa). O BSI foi estabelecido em 1890 com a finalidade de identificar as plantas da Índia e seu valor econômico. O interesse europeu na flora indiana data dos primeiros dias de exploração e expansão colonial. A partir do século XVI, portugueses, holandeses e britânicos coletaram e estudaram plantas nativas. À medida que as terras sob o controle da Companhia Britânica das Índias Orientais cresciam em extensão, aumentava-se o estudo da vida vegetal no norte e noroeste do subcontinente indiano. A expansão econômica e imperial estendeu as pesquisas além das fronteiras da Índia Britânica, chegando à Birmânia (Mianmar) e à Península Arábica.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Gerente de Publicações, Deli, Índia

Título no Idioma Original

Flora Arabica: The Botanical Exploration of Arabia. Records of the Botanical Survey of India, Volume VIII, Number 5

Tipo de Item

Descrição Física

50 páginas; 24 centímetros

Referências

  1. A.G. Miller and T.A. Cope, Flora of the Arabian Peninsula and Socotra (Edinburgh: Edinburgh University Press, 1996).
  2. Agustin Udias, Jesuit Contribution to Science: A History (Heidelberg: Springer, 2015).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 21 de abril de 2017