Anais de Omã até 1728

Descrição

Annals of Oman to 1728 (Anais de Omã até 1728) é uma tradução para o inglês das partes que contam a história de Omã de uma obra muito maior sobre a história islâmica escrita por Sihan ibn Saʻid al-Izkiwi intitulada Kashf al-ghummah al-jāmiʻ li-akhbār al-ummah (Remoção da consternação: compilação da história da nação). Ao todo a obra cobre sete volumes na edição publicada. O tradutor é Charles Edward Ross (de 1836 a 1913), um oficial britânico no Golfo Pérsico. Pouco se sabe sobre o autor, al-Izkiwi, e estudiosos do texto não tiveram sucesso na busca de detalhes sobre sua vida e carreira. A obra foi considerada uma composição anônima até que um manuscrito assinado pelo próprio autor foi descoberto numa biblioteca argelina, sendo publicado em 2012. O livro começa com uma lista de imames que governaram o Omã de 750 a 1728. A tradução de Ross inclui capítulos sobre a história pré-islâmica de Omã e a expulsão dos persas do país no século VIII. Ela continua com a introdução do islã, os períodos dos omíadas, abássidas e carmatas, as dinastias locais e o declínio da ordem e a guerra civil de 1718 a 1728, finalizando a narrativa. Ross trabalhou como comissário político em Omã de 1872 até 1891. Ele foi o representante político mais antigo do governo da Índia Britânica naquele posto. A Residência Britânica em Bushir (atual Bushehr, Irã) serviu como embaixada, representando os interesses britânicos em Omã, Bahrein, Kuwait, Catar e Estados Truciais. A obra Anais é seguida por vários documentos históricos e etnográficos curtos. O primeiro é uma curta história de Omã de 1728 a 1883 baseada num manuscrito de Hamid ibn Muhamad ibn Ruzayq (de 1783 a 1873), traduzido pelo padre anglicano George Percy Badger (de 1815 a 1888), e resumido e atualizado por C. E. Ross. Em seguida vem “Observação sobre as tribos de Omã”, escrito por S. B. Miles (de 1838 a 1914), substituído mais tarde por uma obra maior também de sua autoria chamada Países e tribos do Golfo Pérsico (também apresentada na Biblioteca Digital Mundial). O terceiro apêndice é a “Observação sobre a seita dos ibaditas de Omã”, de C. E. Ross. Por último, o volume inclui “Sobre os princípios da seita ibadita”, que é um extrato traduzido para o inglês de Kashf al-ghummah.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Baptist Mission Press, Calcutá

Idioma

Título no Idioma Original

Annals of Oman to 1728

Tipo de Item

Descrição Física

119 páginas; 22 centímetros

Referências

  1. J.B. Kelly, Arabia, the Gulf, and the West (New York, Basic Books, 1980).
  2. “Ross, Edward Charles,” in Paul J. Rich, Creating the Arabian Gulf: The British Raj and the Invasions of the Gulf (Lanham, MD: Lexington Books, 2009).
  3. Salih, Muhammad Habib. Kashf al-ghummah al-jāmiʻ li-akhbār al-ummah (Musqat: Wizarat al-Turath wa-al-Thaqafah, 2012).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 29 de outubro de 2015