História do movimento Sinn Fein e a Rebelião Irlandesa de 1916

Descrição

Sinn Fein (“Nós mesmos”, em gaélico) foi fundado para promover a revitalização cultural e a independência política da Irlanda. History of the Sinn Fein Movement and the Irish Rebellion of 1916 (História do movimento Sinn Fein e a Rebelião Irlandesa de 1916) é uma história detalhada do movimento escrita por Francis P. Jones, ex-integrante do movimento e que havia deixado a Irlanda e migrado para os Estados Unidos. O livro abrange o período desde a fundação do movimento Sinn Fein em Dublin em 1905 até a Revolta da Páscoa de abril de 1916. A obra lida com aspectos econômicos, culturais, religiosos e políticos da independência da Irlanda, bem como as reviravoltas da política britânica e os debates no Parlamento sobre o Home Rule (Governo autônomo). Mais da metade do livro é um relato detalhado da Revolta da Páscoa, com base em fontes documentadas e em relatos de primeira mão de homens que haviam lutado e depois fugido para os Estados Unidos. Os capítulos finais falam das consequências da revolta, incluindo o julgamento e a execução de seus líderes. Um capítulo sobre as “Mulheres da Nação” foi escrito pela esposa do autor, a quem o livro é dedicado. A introdução é de John W. Goff (de 1848 a 1924), um imigrante da Irlanda que se destacou em Nova York como advogado e juiz. O apêndice, “Lista de Honra da Irlanda”, contém uma lista completa com o nome dos homens mortos nas lutas de abril de 1916 e dos condenados à prisão, ao trabalho forçado ou à prisão com trabalho forçado. O apêndice conclui com detalhes do número de homens deportados e presos sem julgamento.

Última Atualização: 14 de novembro de 2017