Monsieur Blondin! O mais famoso dançarino em corda bamba do mundo

Descrição

Provavelmente usado como pôster, este cartaz de 1860 montado em papel de parede anuncia o show do famoso equilibrista em corda bamba francês Monsieur Blondin. Jean-Francois Gravelet (de 1824 a 1897), também conhecido como Charles Blondin ou o Grande Blondin, nasceu na França. Com cinco anos de idade ele já conseguia andar sobre uma corda esticada entre duas cadeiras de cozinha. Ele repetiu suas façanhas sobre cordas bambas pelos 70 anos seguintes, aumentando cada vez mais os riscos, até sua morte em Londres em 1897. Blondin se tornou um nome familiar no Canadá quando, em 30 de junho de 1859, atravessou as Cataratas do Niágara, andando numa corda de cânhamo de manilha com 390 metros e cinco centímetros de diâmetro. A travessia durou 15 minutos. Foi durante sua visita à América do Norte que Blondin realizou shows como o anunciado aqui. Também é possível que este cartaz tenha sido usado para promover um show por um de seus diversos imitadores. A Salle Musicale (Sala de música) da Cidade de Quebec, fundada em 1851 por Louis Panet (de 1794 a 1884) e seus associados, foi projetada pelo arquiteto quebequense Charles Baillairgé (de 1827 a 1906). O prédio foi destruído por um incêndio em 1900. Monsieur Wheeler era o responsável pelo local e, de acordo com o folheto, 25 centavos era o preço da reserva de lugares para o espetáculo. O texto que anuncia o show é acompanhado por uma simples, mas expressiva xilogravura, que retrata o acrobata realizando seu salto com pernas de pau.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

St. Michel & Darveau, Quebec, Canadá

Idioma

Título no Idioma Original

Mons. Blondin! Le plus célèbre danseur de corde du monde

Tipo de Item

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 19 de junho de 2017