Capsula Eburnea: epístola do túmulo de Hipócrates

Descrição

Esta breve obra consiste numa coleção de 25 máximas atribuídas a Hipócrates (por volta de 460 a aproximadamente 377 a.C.). As máximas tratam exclusivamente do prognóstico de pacientes doentes em fase terminal. A forma padrão das máximas consiste num sintoma, seguido pelo tempo (em dias), até a morte do paciente, acompanhada por um sintoma secundário confirmando o caso. A 14ª máxima, por exemplo, afirma: “Se atrás da orelha esquerda aparecer uma pústula preta, então o paciente morrerá em 24 dias, contados a partir do início da doença, e o sinal disso é que no início de sua doença o doente sinta muita vontade de tomar água gelada”. O texto inclui uma explicação para o título da obra, al-Risālah al-qabrīyah (Capsula Eburnea: epístola do túmulo de Hipócrates). Ele afirma que “é porque a epístola foi encontrada no interior do túmulo de Hipócrates, conforme relatado por Galen, que foi ao local onde estava o túmulo de Hipócrates e implorou ao sultão para deixá-lo abrir a sepultura, e assim o fez, e, quando [Galen] a abriu, encontrou estas máximas e as removeu e publicou em virtude de sua enorme utilidade”. Capsula eburnea (arca ou caixa de marfim), refere-se ao recipiente no túmulo de Hipócrates onde o manuscrito original teria sido encontrado e depois, ao que tudo indica, transmitido do mundo islâmico para o mundo latino. Apesar da variação nos títulos das obras árabes pertencentes a esse gênero, 25 parece ser o número canônico de máximas. O obra não apresenta data, mas o manuscrito está anexado a uma edição de 1826 de Ḥudūd al-Amrāḍ (Definições de doenças), de Muhammad Akbar ʻUrf Muhammad Arzani, escrita provavelmente por volta do mesmo período. Escritos em persa, o colofão e vários comentários interlineares indicam que a obra foi produzida para falantes da língua persa.

Nome Associado

Nome Atribuído

Data de Criação

Idioma

Título no Idioma Original

الرسالة القبرية

Lugar

Tipo de Item

Descrição Física

228 x 137 milímetros

Instituição

Referências

  1. A.Z. Iskandar, A Catalogue of Arabic Manuscripts on Medicine and Science in the Wellcome Historical Medical Library (London: Wellcome Historical Medical Library, 1967).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 9 de agosto de 2017