Relato sobre Conspiração Organizada pelos Negros na Ilha de São Domingos

Descrição

Este breve trabalho consiste em duas cartas relacionadas à revolta dos escravos planejada na colônia francesa de São Domingos (atual Haiti) em 1758. O contexto e a importância das cartas são explicados em um parágrafo introdutório de um editor anônimo: "Duas cartas nos foram entregues. Uma é de Cap-Français, Ilha de São Domingos, e outra é da pessoa a quem a carta foi endereçada. Como essa pessoa sabe perfeitamente bem o que está se passando na ilha, apresentaremos a carta dele primeiro, para servir de introdução à segunda. O conteúdo dessas cartas é muito importante, nas atuais circunstâncias, para não ser levado a público. Como veremos, os negros estão tentando tomar o controle do país e, para isso, estão matando seus senhores. Apenas os jesuítas são poupados e eles protegem os negros abertamente, proibindo os que são torturados de revelar quem foram os responsáveis e seus cúmplices. Não se declara cúmplice também quem nega a única forma de erradicarmos essa conspiração terrível?" O documento faz parte de Les imprimés à Saint-Domingue (Impressões de São Domingos), uma coleção pertencente à Biblioteca Haitiana de Pères du Saint-Esprit, que inclui aproximadamente 150 textos impressos em São Domingos antes da independência em 1804. Os livros foram produzidos entre 1764 e 1804 nas tipografias de Cap-Français, Porto Príncipe e Les Cayes, e foram digitalizados em 2006 com o apoio da Agência Universitária de Francofonia (AUF) e da Organização Internacional da Francofonia (OIF).

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Relation d'une conʃpiration tramée par les Negres, dans l'iʃle de S. Domingue

Tipo de Item

Descrição Física

8 páginas

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 29 de dezembro de 2015