Gratidão a um pai

Descrição

Esta obra de dois volumes é uma coleção de memórias em haiku (poema curto) publicada por Ichikawa Danjūrō II (de 1688 a 1758), ator kabuki do período Edo, no 27º aniversário da morte de seu pai, Ichikawa Danjūrō I (de 1660 a 1704). Intitulados Chichi no on (Gratidão a um pai), os poemas são imbuídos da determinação do filho de jamais esquecer a devoção filial por seu pai, que morreu quando o filho ainda era um menino. Das 70 ilustrações, 66 são impressões monocromáticas desenhadas por Hanabusa Ippō (de 1691 a 1760), aluno de Hanabusa Itchō (de 1652 a 1724). As outras quatro ilustrações foram desenhadas pelo artista e pintor de laquê Ogawa Haritsu (de 1663 a 1747), para acompanhar quatro haikus sobre as quatro estações criados por Danjūrō I. Combinando coloração manual e em bloco de impressão, os desenhos são exemplos da primeira fase dos livros com ilustrações coloridas feitas em blocos de impressão no Japão. Ambos os volumes também são importantes como documentos teatrais, pois contêm nomes populares, nomes póstumos, datas de falecimento e nomes dos templos familiares de 65 atores falecidos.

Última Atualização: 19 de junho de 2017