Nova, completa e mais verdadeira descrição do mundo inteiro, publicada primeiro por Alonzo de Santa Cruz, principal cosmógrafo do imperador Carlos V, 1542

Descrição

Alonzo de Santa Cruz (de 1505 a 1567) foi um famoso cartógrafo espanhol. Como cosmógrafo na Casa de contratación, empresa comercial na Sevilha que mantinha o monopólio do comércio com o Novo Mundo, ele foi responsável pelo Padrón Real, um mapa que documentava os países recém-descobertos do outro lado do Atlântico. Este mapa do mundo, publicado por Alonzo de Santa Cruz em 1542, sustenta o título Nova verior et integra totivs orbis descriptio nvne primvm in lvcem edita per Alfonsvm de Santa Cruz Cæsaris Charoli V archicosmographvm, A.D. MDXLII (Nova, completa e mais verdadeira descrição do mundo inteiro, publicada primeiro por Alonzo de Santa Cruz, principal cosmógrafo do imperador Carlos V, 1542). A escala do mapa é de 1:34.000.000. Ele é desenhado em três folhas juntas de pergaminho medindo um total de 79 por 146 centímetros. O mapa é desenhado na forma de duas esferas pela metade, uma representando o norte e outra o sul, cada uma formada por 36 segmentos do globo, usados ​​para formar um globo com 39 centímetros de diâmetro. O mapa foi provavelmente adquirido pelo filólogo e historiador sueco Johan Gabriel Sparwenfeld durante sua viagem pela Espanha de 1689 a 1690. Sparwenfeld doou partes de suas coleções à Biblioteca Nacional da Suécia em 1706.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Nova verior et integra totivs orbis descriptio nvne primvm in lvcem edita per Alfonsvm de sancta crvz Cӕsaris Charoli V archicosmographvm, MDXLII

Lugar

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

3 páginas, pergaminho; 79 x 146 centímetros

Observações

  • Código: KoB AB 50 St.f.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 3 de fevereiro de 2015