Retratos das doações do Rei Mindon em vários lugares, de 1853 a 1857

Descrição

Este manuscrito birmanês (Or 13681), da Biblioteca Britânica, mostra sete cenas de doações do Rei Mindon em vários lugares, durante os quatro primeiros anos de seu reinado (1853 a 1857). O artista não apenas representou as sete diferentes cerimônias históricas e meritórias do Rei Mindon, como também descreveu o custo das doações reais em detalhes. O parabaik (livro dobrável) de meados do século XIX possui capa de couro vermelho, com a seguinte inscrição em letras douradas na capa “Retratos das doações do Rei Mindon em vários lugares, a partir do ano 1215, primeiro [volume I]”. (O calendário da era birmanesa começa em 638 d.C., portanto, 1215 da era birmanesa corresponde a 1853 d.C.). O nome Rainha Tharasein (Tharasein Mihpaya) aparece na etiqueta de papel pregada na contracapa do manuscrito. Em 1853, o rei e a rainha doaram um monastério (Waso kyaung) e uma casa de repouso (Za yat), incluindo árvores de oferenda aos monges em Ratanatheinka (Cena 1); o custo das doações foi de 3500 kyats. O rei e a rainha fizeram a segunda e terceira doações em 1854, em Amarapura, primeira capital da Birmânia. Eles deram a casa de repouso Thudhama (Thudhama za yat) e uma imagem de Buda em tijolos, forneceram refeições diárias a 70 monges no mês de wahso, e deram mantos monásticos (Wahso thin gan) e oito requisitos básicos (Payeithkaya shi pa) aos monges (Cenas 2 e 3). O Rei Mindon fez sua quarta doação em 1855, oferecendo vários presentes aos monges budistas de Amarapura (Cena 4). A quinta doação da casa real foi em 1856, em Amarapura. As doações incluíam um thein (salão de ordenação), dois sardaik bhi dho (arcas douradas para manuscritos), manuscritos de folhas de palmeira, camas decoradas com mosaicos de vidro e redes de mosquitos com laços dourados. A Cena 5 retrata os músicos e dançarinos que entreterão a realeza; os oficiais da corte e suas esposas também receberam presentes. O Rei Mindon fez sua sexta doação em 1857, em Mandalay, oferecendo o monastério Mingala Bon San e o salão de ordenações Dhamma Myitzu a Pyay Sayadaw. Na imagem (Cena 6), a realeza recebe homenagens e é entretida pela orquestra. Os monges também receberam os oito requisitos e outros prêmios. Em 1853, o rei ofereceu dois lagos (Zeya Nanda kan e Thiri Nanda kan) no povoado de Nyaung gan. Um ano mais tarde, em 1854, o rei também ofereceu lagos em Hsinte siyinsu, Amarapura (Cena 7).

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

ပဌမ၁၂၁၅ခုနှစ်ကစ၍အရပ်ရပ်လှူတော်မူသည်အလှူတော်ဘုရား

Tipo de Item

Descrição Física

Livro de papel dobrável com 36 dobras; 530 x 200 milímetros

Observações

  • Número de referência do manuscrito na Biblioteca Britânica: Or 13681

Referências

  1. San San May, “Royal donations in 19th century Burma," Southeast Asia Library Group (SEALG) Blog, May 7, 2013, http://southeastasianlibrarygroup.wordpress.com/2013/05/07/royal-donations-in-19th-century-burma/.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 8 de agosto de 2014