Livro para mulheres

Descrição

Francesc Eiximenis (por volta de 1340 a 1409) foi um monge franciscano e um escritor prolífico. Ele estudou na Catalunha, em Oxford, e em Toulouse, e, provavelmente, em Paris. Considerado um intelectual de prestígio, ele manteve boas relações com a corte do reino de Aragão e com as autoridades municipais de Barcelona e Valência, a cidade onde escreveu a maior parte de suas obras. Em 1396 ele terminou o Llibre de les dones (Livro para Mulheres). O livro evita a tendência misógina da época. Deve ser lido como uma obra de instrução moral, que se destina a realizar uma avaliação das diferentes fases da vida das mulheres — de pequena menina a donzela, esposa e, finalmente, viúva. Freiras também são consideradas. Ao mesmo tempo, pretende ser uma espécie de catecismo, em que Eiximenis explica os principais pontos da fé, da moral e da ética cristã. O trabalho tem sua importância no fornecimento de uma visão geral da vida das mulheres no século XIV. O texto foi impresso pela primeira vez em 1495 por Joan Rosembach. Nascido em Heidelberg, na Alemanha, Rosembach passou alguns anos em Valência, antes de se mudar para Barcelona, onde viveu e trabalhou pelo resto de sua vida, com exceção de curtos períodos em Tarragona, Perpignan e Montserrat. Ele talvez tenha sido o melhor impressor na Catalunha, utilizando a fonte gótica. O trabalho é impresso em papel de tamanho fólio e tem 12 folhas preliminares não-numeradas, com 268 folhas erroneamente numeradas como 267, em algarismos romanos. Ele usa fonte gótica, com letras pretas e algumas margens. A epígrafe, marca de parágrafo, o colofão e a marca do impressor nas folhas são impressos em tinta preta e vermelha. A cópia apresentada aqui tem uma bela gravura na página de título em verde e vermelho. O fólio 1 está em branco. O texto tem apostilas (anotações) escritas e notas finais sublinhadas. A encadernação é feita de couro, com ouro e ferro na lombada. Integra a Collecció Bonsoms-Chacón, doada à Biblioteca da Catalunha em 1948, após a morte de Mercedes Chacón, viúva de Isidre Bonsoms i Sicart. A Biblioteca da Catalunha também mantém uma cópia com certas diferenças tipográficas e composicionais deste livro.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Joan Rosembach, Barcelona

Idioma

Título no Idioma Original

Libre de les dones

Tipo de Item

Descrição Física

268 fólios; 31 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 13 de janeiro de 2015