Projeto para a proposta do Centre Català, Montevidéu. Projeto de construção

Descrição

Gaietà Buïgas Monravà (1851 a 1919) foi o criador do monumento a Cristóvão Colombo em Barcelona (construído entre 1882 e 1888) e de edifícios como o Spa Català Vichy (1898), em Caldes de Malavella, e do edifício do Banco Popular (1904 a 1907), em Montevidéu. Buïgas completou a maior parte do trabalho na América do Sul, na Argentina (1903 a 1904) e, especialmente, no Uruguai (1904 a 1912), onde viveu por nove anos. Projetos para 36 das obras que fez para estes países estão preservados na Biblioteca da Catalunha. Os projetos para edifícios e monumentos na Catalunha e em outros lugares também são preservados na biblioteca. Esses documentos fornecem ideias sobre a personalidade artística de um dos mais importantes arquitetos da Catalunha, na virada do século. O trabalho de Buïgas é respeitado principalmente por seu exuberante ecletismo, e pelas influências do modernismo e da art déco. Apresentado aqui é um dos desenhos de Buigas para o Centre Català (Centro Catalão), que data de cerca de 1904. Ele mostra a fachada ornamentada do grande teatro com três andares e uma cúpula. No terceiro andar está a inscrição “Centro Catalão” e acima da porta principal, o slogan “Catalunha para a frente.” O segundo andar apresenta bustos de dois compositores catalães, Josep Anselm Clavé (1824 a 1874), em uma extremidade, e Antoni Soler (1729 a 1783), na outra.

Última Atualização: 13 de janeiro de 2015