Labirinto do comércio terrestre e marítimo, no qual os tipos de mercadorias e formas de contratação na terra e no mar são tradados com brevidade e concisão, de maneira útil e produtiva para comerciantes

Descrição

Labyrintho de comercio terrestre y naval (Labirinto do comércio terrestre e marítimo) foi publicado em Lima, Peru, em 1617. Escrito por Juan de Hevia Bolaños (de 1570 a aproximadamente 1623), um jurista nascido na Espanha, mas que viveu boa parte de sua vida em Lima, o livro é um compêndio das leis e dos procedimentos alfandegários que regulavam o comércio em diferentes países do mundo. Destinado para o uso prático de marinheiros e comerciantes, foi o primeiro livro publicado no hemisfério ocidental. A primeira máquina de impressão na América do Sul foi criada em Lima por Antonio Ricardo (entre 1540 e 1606, aproximadamente), um italiano que trabalhou por pouco tempo como tipógrafo ao lado dos jesuítas na Cidade do México. Produzido na máquina de impressão entre 1584 e 1619, esse livro faz parte de uma coleção com as 39 primeiras edições na Biblioteca Nacional do Peru. Em 2013 a coleção foi registrada no Programa Memória do Mundo da UNESCO. Em latim, espanhol e diversas línguas ameríndias, esses livros apresentam uma parte importante do registro que retrata o encontro entre dois mundos: a civilização ameríndia dos Incas e a cultura europeia representada pelos conquistadores espanhóis. São consideráveis fontes para o estudo da dispersão de ideias no Império Espanhol, como o processo de evangelização e a propagação do catolicismo por um lado e o debate sobre os povos indígenas e sua condição como seres humanos por outro. Vários desses livros revelam informações sobre a organização política, cultural e social da derrotada civilização inca, bem como um registro das línguas quíchua e aimará, faladas por esse povo.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Francisco del Canto, Lima, Peru

Idioma

Título no Idioma Original

Labyrintho de comercio terrestre y naval. Donde breve y compendiosamente se trata de la Mercancia y Contratacion de tierra y mar, vtil y prouechoʃo para Mercaderes, Negociadores, Nauegantes, y ʃus Conʃulados, Miniʃtros de los Iuyzios, profeʃʃores de Derechos, y otras perʃonas

Tipo de Item

Descrição Física

799 páginas, 15 x 10 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 24 de maio de 2017