Livro de exortação à beneficência

Descrição

Quan shan jing (Livro de exortação à beneficência), também conhecido como Tai shang gan ying pian (Tratado do lorde Lao Tsé sobre ações e consequências; ou Tratado do lorde Lao Tsé sobre recompensas e punições), possui duas partes. A primeira parte é uma tradução do clássico taoísta Tai shang gan ying pian, obra associada a Lao Tsé, um dos fundadores do taoísmo que se acredita ter vivido no século VI a.C.  A segunda parte é uma exposição dos padrões morais do povo yi. (“Yi” é um termo usado para algumas tribos que não são chinesas, principalmente no sul da China.) Ela expressa os juízos mantidos pelo povo yi, seus tradicionais conceitos éticos e morais, refletidos em seus costumes e ensinamentos religiosos. A obra é redigida em escrita yi e fornece explicações para cada linha e sentença, exortando os leitores a realizarem boas ações, viver uma vida virtuosa e tratar bem a natureza. Os textos enfatizam o conceito tradicional de que “O bem será recompensado com o bem, e o mal com o mal”, e propõe o aprendizado de ideias progressistas dos chineses, incluindo aquelas que se referem à tecnologia e à produção. As páginas da primeira parte do livro são substituições de uma data posterior, e as últimas estão danificadas.

Nome Associado

Data de Criação

Informação da Publicação

Liderança Na do povo yi, Vila Wande, município de Wande, condado de Wuding, Yunnan

Título no Idioma Original

劝善经

Tipo de Item

Descrição Física

1 volume; 22,6 x 14,9 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 25 de novembro de 2014