Regra de São Bento

Descrição

Ora et labora (Orar e trabalhar) é uma célebre frase que reflete a ideia básica por trás das leis da vida monástica, formulada originalmente por São Bento de Núrsia (de 480 a 547, aproximadamente) e visando inicialmente ser uma regra interna para os monges do mosteiroio do próprio São Bento, em Montecassino, Itália. A Regra de São Bento se espalhou amplamente a partir do século VII; mas, na França, ela se tornou somente a única regra de autoridade da ordem no final do século VIII e início do século IX. A adoção da regra foi resultado principalmente dos esforços reformistas de Bento de Aniane (750 a 821, aproximadamente), corroborado pelo apoio político do imperador Carlos Magno (742 a 814) e de seu filho e sucessor, Luís, o Pio (778 a 840). O manuscrito apresentado aqui tem como base uma cópia encomendada por Carlos Magno nos anos subsequentes a 787, com o objetivo de estabelecer uma versão autêntica da regra. Ele representa o mais antigo manuscrito bávaro da Regra de São Bento ainda preservado. O texto começa com uma página iluminada que mostra uma cruz latina com ornamentos circulares sob um arco. A decoração das iniciais mostra influências advindas do norte da Itália. O manuscrito é atribuído a um escriba chamado Dominicus, cuja caligrafia também pode ser encontrada em outro manuscrito da abadia beneditina de Tegernsee, localizada em Tegernsee, no sul da Baviera. Isto sugere que este manuscrito provavelmente tenha sido escrito no mosteiro e que pertencia a ele. Ao longo do processo de secularização dos mosteiros, o manuscrito chegou a Munique em 1803.

Escriba

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Regula S. Benedicti

Tipo de Item

Descrição Física

I + 61 folhas: pergaminho, iluminações; 17 x 10 centímetros

Observações

  • Código BSB: Clm 19408
  • Essa descrição da obra foi escrita por Wolfgang-Valentin Ikas da Biblioteca Estatal da Baviera.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 17 de outubro de 2017