Mapa étnico e linguístico do Oriente Próximo

Descrição

Este mapa, produzido em 1943 pelo Serviço Geográfico do Auswärtiges Amt (Ministério de Relações Exteriores) da Alemanha, mostra a composição étnica, linguística e religiosa do Oriente Médio. Estão incluídos o Cáucaso e outras áreas da União Soviética, o Afeganistão e áreas do atual Paquistão e a Índia. O mapa e o texto explicativo refletem a obsessão do período nazista com questões de raça e etnia. A longa nota na parte superior da legenda afirma que o mapa “tenta mostrar o Lebensraum [área habitável] desses povos orientais, localizados em áreas de interesse para a Europa”. Ele observa que a maior parte da região é seca e esparsamente povoada e que, embora a maior parte das populações esteja assentada, o nomadismo persiste no interior da Península Arábica e em partes da Ásia Central. As cores são usadas para indicar os diferentes grupos étnicos e linguísticos, que são divididos em duas categorias gerais: os indo-germânicos (indo-europeus) e os túrquicos, sendo a primeira indicada pelo tom azul claro e a segunda por tons de vermelho. As filiações religiosas são apresentadas por meio de símbolos identificados na parte inferior da legenda. O mapa interno na parte inferior direita mostra a densidade populacional, que vai de 0,1% por quilômetro quadrado a 50% por quilômetro quadrado.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Gabinete do Reich, Alemanha

Idioma

Título no Idioma Original

Völker- und Sprachenkarte des Vorderen Orient

Tipo de Item

Descrição Física

1 mapa em 2 folhas: cor; 104 x 110 centímetros, folhas 111 x 63 centímetros

Observações

  • Escala 1:4.000.000

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 17 de fevereiro de 2016