Embarcação submarina, seção longitudinal

Descrição

O primeiro submarino funcional, o Nautilus, foi construído em Paris no ano de 1801 pelo engenheiro americano Robert Fulton (1765 a 1815). Mais conhecido pelo desenvolvimento do primeiro navio a vapor comercialmente bem-sucedido, entre 1807 e 1808, Fulton construiu o submarino, ou “barco de imersão”, na esperança de que Napoleão o utilizasse em sua guerra contra a Grã-Bretanha. Os franceses e, mais tarde, os britânicos mostraram certo entusiasmo inicial em relação à ideia de Fulton, mas por fim acabaram ambos recusando apoio ao seu projeto. Fulton, então, dedicou-se aos barcos a vapor a fim de financiar sua pesquisa com submarinos. A Biblioteca do Congresso tem em sua coleção um manuscrito de 71 páginas, assinado por Fulton e datado de 10 de agosto de 1806, intitulado “Sobre a navegação e o ataque submarino”. Este documento inclui uma introdução e descrições detalhadas de 16 desenhos aquarelados, também de Fulton, que acompanham o texto.  Mostra-se aqui um dos desenhos, que foi numerado e assinado por Fulton. Juntos, eles abordam quase todos os aspectos da obra de Fulton nos campos de guerra naval submarina e de superfície. Fulton nasceu no Condado de Lancaster, na Pensilvânia. Após trabalhar como pintor de retratos em miniatura e de paisagens, em 1786, ele foi para Londres estudar engenharia mecânica. Suas outras invenções incluem uma máquina para fiação de linho, uma máquina de dragagem e o torpedo.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Submarine Vessel, Longitudinal Section

Tipo de Item

Descrição Física

1 desenho: aquarela, grafite e tinta sobre papel

Observações

  • Escala: uma polegada para um pé. Placa 1.

Referências

  1. Leonard C. Bruno, The Tradition of Technology: Landmarks of Western Technology (Washington, DC: Library of Congress, 1995).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 19 de junho de 2014