Explicação de al-Khansa' em estrofes requintadas

Descrição

Este livro é uma coletânea impressa de versos de Tumāḍir bint ʿAmr ibn al-Ḥarth ibn al-Sharīd al-Sulamīyah, intitulada Anis al-Julasāʼ fī Sharḥ Dīwān al-Khansāʼ (Explicação de al-Khansa’ em estrofes requintadas). Conhecida historicamente como al-Khansā’ (a de nariz arrebitado, ou que lembra uma gazela), a autora é vista como um dos principais nomes da poesia na Arábia pré-islâmica. Após se encontrar com o Profeta Maomé, que supostamente admirava sua poesia, ela se tornou muçulmana. A apreciação contemporânea e subsequente de sua poesia deve muito ao poder de seus lamentos panegíricos. Seus dois irmãos foram mortos em um confronto tribal antes de sua conversão ao Islã. Após sua conversão, seus quatro filhos morreram em batalhas pela nova fé. Seus Diwan (Poemas reunidos) foram reimpressos numerosas vezes. Em um florido parágrafo introdutório, o editor desta edição de 1895, Padre Louis Cheiko, afirma que a poesia de al-Khansa' “produzia inveja nas almas dos poetas árabes homens e levantava as cabeças de todas as mulheres, orgulhosamente”. Cheiko começou a estudar sua obra com uma compilação mais antiga, publicada em 1888. A importância desta edição se encontra não apenas em sua apresentação de uma compilação mais completa de sua poesia e dos comentários clássicos; o livro também fornece um olhar íntimo sobre os métodos usados por um orientalista proeminente na busca de manuscritos perdidos, comparando-os criticamente e fornecendo comentários que elucidam o texto com referências históricas, literárias e lexicais. Cheiko foi professor do destacado arabista russo I. Y. Kratchkovsky, que escreveu em suas memórias sobre a agradável surpresa e o posterior desapontamento ao descobrir que tanto ele quanto seu mentor estavam estudando a mesma poetisa árabe pré-islâmica.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Editora Católica, Beirute

Idioma

Título no Idioma Original

أنيس الجلساء في شرح ديوان الخنساء

Tipo de Item

Descrição Física

256 páginas; 24 centímetros

Referências

  1. Farrin, Raymond, Abundance from the Desert: Classical Arabic Poetry (Syracuse: Syracuse University Press. 2011).
  2. Kratchkovshy, I.Y. Among Arabic Manuscripts (Leiden: Brill, 1953).

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 8 de agosto de 2014