O espelho do planetário

Descrição

Āyinah-i jahān numā (O espelho do planetário) é uma obra em prosa de fábulas no idioma persa, relevante para os assuntos religiosos e mundanos. Um planetário é um modelo que representa os movimentos dos corpos celestes em torno do sol. O livro foi publicado em 1899 em Cabul por litogravura. Acredita-se que ele pode derivar em parte de uma obra de Ḥusayn Vāʻiẓ Kāshifī, mas o nome do autor é desconhecido. Esta cópia é organizada em várias seções. Tem uma capa de couro em estilo afegão tipicamente do final do século XIX com flores em relevo. A contracapa também tem uma descrição afirmando a aprovação para a publicação de ʻAbd Khan al-Raḥmān, então emir do Afeganistão e o nome do copista ou do homem responsável pela publicação, Gul Mohammad Mohammadzai Durrani Afghan, que parece ter sido um oficial no governo afegão. Essas informações aparecem mais detalhadamente no prefácio e no epílogo, os quais mencionam que o próprio emir tinha lido o livro várias vezes à noite e aprovou sua publicação para que as “pessoas lessem e se beneficiassem de suas fábulas”. O conteúdo é organizado como 14 fábulas curtas e 12 fábulas longas. Essas fábulas abordam temas relacionados com a ética, a devoção religiosa, a honestidade, a lealdade, a amizade, a obediência, o respeito e afins. A fábula nas páginas 17 a 18 encontra-se na responsabilidade moral e profissional de indivíduos instruídos da sociedade ao servir, aconselhar e corrigir um (novo) governante ou rei.  A página 28 tem uma fábula sobre por que é errado e potencialmente prejudicial se uma pessoa não é franca e sincera ao se dirigir a um rei, a um médico ou aos amigos.  As 14 fábulas curtas que aparecem nas páginas 5 a 15 começam principalmente com o pronome relativo “Que” ou “Quem”.  As 12 fábulas longas geralmente começam com “Afirmam os sábios que” ou “A história de”. Todos os títulos estão em negrito e são numerados. Poemas bem conhecidos aparecem fortuitamente, como na página 7, muitas vezes após uma fábula com o objetivo de aclamar sua importância e valor. As páginas estão ordenadas com numerais indo-arábicos; as páginas 141, 173, 236, 270, 278 e 311 estão faltando. As páginas de 1 a 144 eram de Gul Mohammad; após sua morte, seu irmão, Mohammad Zaman Khan Barakzai, completou as páginas restantes.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Maṭbaʻ-i Dār al-Salṭanah-i Kābul, Cabul

Idioma

Título no Idioma Original

آینه جهان نما

Tipo de Item

Descrição Física

316 páginas; 22 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 30 de setembro de 2016