Ilhas Falkland e Kerguelen

Descrição

Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Ilhas Falkland e Kerguelen é o Número 138 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. As Ilhas Falkland são um arquipélago controlado pelos britânicos e situado no Atlântico Sul, a cerca de 480 quilômetros da costa da Argentina, que também reivindica soberania sobre as ilhas, chamadas de Islas Malvinas pelos argentinos. Na época em que este estudo foi escrito, Falklands era uma colônia da coroa e incluía diversas pequenas ilhas situadas no extremo do Atlântico Sul, bem como a Terra de Graham, no continente antártico. O livro contém capítulos sobre geografia política e física, história política, condições sociais e políticas, e condições econômicas. A seção sobre a história política descreve os diferentes nomes dados às ilhas ao longo dos anos, inclusive Îles Malouines, após as visitas realizadas por navios provenientes de Saint Malo, na França, resumindo os principais fatos relacionados à disputa entre Grã-Bretanha e Espanha sobre a posse das ilhas, disputa hoje travada entre Inglaterra e Argentina, depois desta se tornar independente da Espanha. A economia das ilhas baseia-se principalmente na criação de ovelhas e na caça às baleias. A segunda parte do livro contém uma breve descrição de Kerguelen, uma dependência francesa situada no Oceano Índico cujo nome deriva de Yves Joseph de Kerguélen-Trémarec, um marinheiro francês que descobriu o arquipélago em 1772. O estudo menciona que Kerguelen nunca foi habitada de forma permanente, embora tenha sido visitada no século XIX por caçadores de baleias e focas (principalmente americanos). Hoje, a ilha principal de Grande Terre e outras 300 pequenas ilhas de Kerguelen fazem parte das Terras Austrais e Antárticas Francesas, e também são conhecidas como Ilhas da Desolação.

Última Atualização: 11 de setembro de 2017