Anatólia

Descrição

Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pela preparação de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Anatólia é o Número 59 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais publicados após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A Anatólia é a península direcionada a oeste, partindo da Ásia, entre o Mar Negro e a parte mais oriental do Mar Mediterrâneo, correspondendo aproximadamente à maior parte da atual Turquia. O livro inclui seções sobre geografia política e física, história política, condições sociais e políticas, além de condições econômicas. A Anatólia era, naquela época, uma região de considerável diversidade étnica e religiosa, e o livro discute particularmente as comunidades grega e armênia. Ele conclui com uma avaliação desoladora das consequências da aliança entre Turquia e Alemanha durante a Primeira Guerra Mundial, que incluiu muitas mortes entre a população majoritariamente muçulmana, o massacre dos armênios e, finalmente, a deportação e os trabalhos forçados de muitos outros cristãos. O estudo não se aventura a predizer o futuro e, portanto, não prevê o completo colapso da autoridade otomana em que a guerra resultou.

Última Atualização: 11 de setembro de 2017