Jornadas em zigue-zague no país do camelo: Arábia em imagens e histórias

Descrição

Samuel Zwemer (1867 a 1952) foi um missionário americano que se tornou conhecido como o “Apóstolo do Islã” por seus incansáveis, e nem sempre bem sucedidos, esforços de evangelização nos países islâmicos. Ele frequentou o Hope College em Holanda, Michigan, e o Seminário Teológico de Nova Brunswick em Nova Jersey. Em 1889, ele e um colega de sala fundaram a Missão Arábica Americana, que mais tarde recebeu o patrocínio da Igreja Reformada, e no ano seguinte ele partiu para a Península Arábica. Em 1896, ele encontrou Amy Wilkes (falecida em 1937), uma enfermeira e missionária australiana com quem se casou. Juntos, os Zwemers venderam bíblias, estabeleceram missões em hospitais e em 1899 fundaram uma pequena escola em Bareine. Jornadas em zigue-zague foi o segundo de dois livros infantis ilustrados de autoria dos Zwemers. Muitos de seus capítulos descrevem temas específicos da vida árabe. Eles incluem a importância dos camelos no deserto, amuletos e talismãs, a situação das minorias religiosas na Arábia, a estrutura da língua árabe, a significância da Caaba e a vida do Profeta Maomé. Os outros capítulos se concentram nas viagens de Samuel Zwemer, incluindo as jornadas pelo Iêmen, Omã e por todo o Golfo Pérsico. O livro contém 20 fotografias e ilustrações, e finaliza com uma exortação para que os ensinamentos cristãos continuem sendo difundidos entre os árabes beduínos e transpassem as fronteiras nacionais.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Fleming H. Revell Company, Nova York

Idioma

Título no Idioma Original

Zigzag Journeys in the Camel Country: Arabia in Picture and Story

Tipo de Item

Descrição Física

125 páginas: frontispício, ilustrações, placas; 21 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 3 de maio de 2017