Onze comentários sobre "A Arte da guerra" de Sun Tzu

Descrição

Sunzi bing fa (A arte da guerra de Sun Tzu) é o mais importante e popular clássico militar da China antiga. Sua influência também se espalhou para os países vizinhos e além. Sun Wu, também conhecido como Sunzi ou Sun Tzu, viveu no estado de Qi durante o final do período da primavera e outono (770 a 476 a.C.). Ele trabalhou para o estado de Wu, no sudeste da área costeira, a partir de cerca de 512 a.C., apresentando sua estratégia militar em uma obra de 13 capítulos ao rei de Wu. Junto de Wu Zixu (falecido em 484 a.C.), um estrategista militar, Sun Tzu foi capaz de derrotar o poderoso Estado de Chu e conquistar sua capital. Estudiosos modernos acreditam que o Sunzi bing fa tenha sido composto durante o século V como um rascunho e, mais tarde, revisado por Sun Bin (falecido em 316 a.C.), um estrategista militar do período dos Estados Combatentes (475 a 221 a.C.). Durante a dinastia Han (206 a.C. a 220 d.C.), o livro foi ampliado, e ilustrações foram adicionadas. Durante a dinastia Tang (618 a 907), algumas adições já haviam sido perdidas. O Sunzi bing fa salienta que a guerra é essencial para a sobrevivência de um Estado e, portanto, um assunto ao qual se deve dedicar atenção. Uma vez derrotado na guerra, um país nunca mais se erguerá. Portanto, governantes esclarecidos precisam se preocupar com a guerra e os generais devem estudá-la em detalhes, estando preparados para ela. Sun Tzu entra em detalhes sobre os principais fatores que influenciam a vitória ou a derrota. Os principais temas da obra são dao (conduta do governo), tian (clima), di (território), jiang (generais) e fa (táticas). Ao longo dos séculos, muitos comentários foram escritos ao Sunzi bing fa, tendo mais tarde sido compilados e publicados em uma unidade, em 13 ou 15 juan. A versão mais comumente conhecida dos comentários é a que possui 11 comentários, como nesta cópia. Os comentários são de Cao Cao (155 a 220), do período dos Três Reinos; de Meng, da dinastia Liang (502 a 557); de Li Quan, Du Mei, Chen Hao e Jia Lin, quatro estudiosos da dinastia Tang; de Mei Yaochen, Wang Xi, He Yanxi e Zhang Yu, da dinastia Song; e de Du You, historiador da dinastia Tang, que incluiu seu comentário na obra enciclopédica Tong dian (Instituições abrangentes). A impressão original já não existe mais. Esta é uma edição manuscrita em três juan, datando do reinado de Shaoxi (1190 a 1194) do imperador Song Guangzong.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

十一家註孫子

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

3 juan, 8 volumes; 17,4 x 10,9 centímetros

Observações

  • Edição manuscrita impressa. A apresentação da Biblioteca Digital Mundial apenas exibe o prefácio e o juan 1.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 24 de maio de 2017