Gramática copta

Descrição

Este manuscrito consiste em uma parte da cartilha copta de Iryan Moftah (1826 a 1886). Ele lista frases úteis, com o texto copta na coluna da esquerda e a versão em árabe à direita. Moftah evita explicar complexidades linguísticas e conjugação. Isto, juntamente com as frases simples e cotidianas, leva à conclusão de que o livro tinha como público crianças ou jovens seminaristas, e não aprendizes avançados. Embora o livro tenha como alvo os falantes do árabe, não se presume que os estudantes estejam familiarizados com a complexa gramática clássica árabe. Não há referências religiosas ou bíblicas, e o autor frequentemente usa o árabe coloquial para ensinar frases cotidianas, como “Lave suas mãos”, “Nunca experimente o ‘arak [bebida alcóolica local feita de tâmaras ou uvas-passas]” ou “Corte a vela [pavio]”. As frases de conversação estão agrupadas em tópicos como “em casa”, “hora de dormir” ou “durante as refeições”. Não se sabe se os textos de gramática de Moftah foram publicados pela imprensa copta criada por volta de 1860; nenhuma cópia impressa é conhecida. As cartilhas de Moftah provavelmente eram de uso privado em sua sala de aula, no colégio clerical onde ele ensinou, ou serviam de modelo para que outros professores as copiassem. Seus manuscritos sobre assuntos religiosos, históricos e linguísticos estão preservados na Coleção Iryan Moftah da Universidade Americana do Cairo.

Última Atualização: 27 de maio de 2014