Evangelho de São João

Descrição

Este manuscrito em árabe do Evangelho de São João data do século XVIII. O texto está escrito de maneira clara e está contido em uma moldura de linha dupla em vermelho. Os fólios são numerados com números coptas. O manuscrito conta com várias notas marginais e referências ao Antigo Testamento em árabe, com números coptas empregados em citações de capítulos e versos. A marginália pode ter sido adicionada por Wadi’ Muftah, cujo nome aparece nas guardas frontais. O texto está completo e em excelente condição, embora a última página esteja copiada em caligrafia diferente e não possua borda. A encadernação é de couro marrom, cobrindo as bordas com uma aba. O volume pode ter sido parte de um conjunto. O escriba e o local da cópia não são fornecidos. Os cabeçalhos dos capítulos no texto do Evangelho são indicados em vermelho. Há um índice abrangente e uma introdução biográfica de três páginas. A biografia identifica João, o Evangelhista, como um dos Doze Apóstolos, afirmando que ele escrevia em grego. O relato continua, acompanhando as viagens de João e seus frequentes retornos a Eféso, onde, de acordo com muitas lendas, ele foi sepultado. A biografia termina narrando o milagre em sua tumba, que, quando aberta, continha apenas suas sandálias. Estes e outros detalhes de sua vida e obras são narrados na biografia. Esta obra faz parte da Coleção Iryan Moftah de Livros e Manuscritos Coptas, da Universidade Americana do Cairo.

Última Atualização: 21 de julho de 2014