Mapa da Bolívia, exibindo áreas florestais e de agricultura, e localidades de minérios

Descrição

Este mapa de 1912 exibe a riqueza agricultural, florestal e mineral da Bolívia. A produção mineral aparece localizada principalmente na porção ocidental do país, na Cordilheira dos Andes ou próxima a ela. Estão indicados os locais de mineração que produzem antimônio, bismuto, cobre, ouro, chumbo, prata, volfrâmio e estanho, os principais produtos minerais da Bolívia. O estanho era explorado nos departamentos de Cochabamba, La Paz, Oruro e Potosí. A produção atingiu seu ápice no final do século XIX, início do século XX, já que a extensão da ferrovia até Oruro tornou possível a exportação de grandes quantidades de minério para a Europa. Em 1912, o ano em que este mapa foi feito, 115 minas de estanho estavam em operação na Bolívia, produzindo anualmente mais de 38.000 toneladas métricas de minério. A parte do país composta por densas florestas, a leste das montanhas, é identificada como uma região produtora de borracha, com a criação de gado concentrada nas planícies próximas da fronteira com o Brasil. As ferrovias finalizadas e planejadas estão indicadas, incluindo as linhas que vão ao sul, da capital La Paz até os portos chilenos do Pacífico de Arica e Antofagasta.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Eckert Lithographing Company, Washington D.C.

Idioma

Título no Idioma Original

Map of Bolivia, Showing Forest and Agriculture Areas, and Mineral Localities

Tipo de Item

Descrição Física

1 mapa: colorido; 51 x 46 centímetros

Observações

  • Escala de 1 polegada para 4.224.000 pés

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 29 de maio de 2013