Floresta Białowieża

Descrição

Uma parte da Floresta Białowieża se encontra no sudoeste da Bielorrússia; outra parte, no leste da Polônia, estando situada na bacia hidrográfica do Mar Negro e do Mar Báltico. Já entre o século XIV e início do século XV, imposto por Jogaila, grão-duque da Lituânia e rei da Polônia, Białowieża, sendo ainda a maior floresta intacta da Europa, se tornou um território natural protegido. Este livro, de Georgīĭ Kart︠s︡ov, contém informações sobre o local e tamanho da floresta, sua topografia, vegetação e história da caçada real do século XVI até o fim do século XIX. A Floresta Białowieża é o lar do bisão europeu, e o autor descreve como o desejo de salvar a espécie levou os lituanos, poloneses e bielorrussos a preservar seu habitat. Medidas para controlar a população de lobos e outras decisões administrativas e de preservação foram tomadas tanto sob o domínio polonês, quanto russo. O livro também conta como a floresta foi o cenário de rebeliões polonesas entre 1830 e 1831, em 1863, bem como de outros eventos históricos. Ele inclui muitas ilustrações de artistas famosos. Publicado em São Petersburgo em 1903, o livro se tornou popular entre historiadores e naturalistas. O Parque Nacional de Białowieża foi nomeado Patrimônio Mundial da UNESCO em 1979; o Parque Nacional da Floresta Bialowieza, na Bielorrússia, obteve o mesmo status em 1992.

Última Atualização: 12 de fevereiro de 2016