Montanha da Mesa

Descrição

Esta imagem da Montanha da Mesa (Cidade do Cabo, África do Sul) faz parte de um conjunto de 27 desenhos em 15 folhas, descoberto na Biblioteca Nacional da África do Sul em 1986. Os desenhos são importantes por apresentar as mais antigas ilustrações realistas dos Khoikhoi, habitantes originais do Cabo Ocidental. Este desenho, provavelmente feito de um navio ancorado ao largo da ilha Robben, é uma das representações mais precisas da baía da Mesa nessa época. As anotações no canto inferior esquerdo, em holandês, são referências às letras do desenho, e indicam: “A. A Montanha do Diabo, B. Após medição, a altura da Montanha da Mesa foi calculada em mais de 1800 pés (voeten), C. O forte holandês, D. Um píer no qual pequenas embarcações podem atracar.” O mais provável é que o artista tenha sido um holandês, nascido no século XVII, que estava de alguma maneira ligado à Companhia Holandesa das Índias Orientais e possivelmente a caminho das Índias Orientais Holandesas ou em seu caminho de volta aos Países Baixos, quando passou pelo Cabo. Evidências sugerem que os desenhos foram feitos até no máximo 1713, e possivelmente bem antes disso. A maioria dos desenhos possui anotações feitas após 1730 por outra pessoa, também não identificada.

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

Zigt getekent uijt een schip voor de Kaap de Goede Hoop

Tipo de Item

Descrição Física

1 desenho: tinta preta e aguada sobre papel; 22 x 38 centímetros

Observações

  • Também conhecido como: Vista de um navio diante do Cabo da Boa Esperança. Reproduzida como placa 5 em Os Khoikhoi no Cabo da Boa Esperança: desenhos do século XVII presentes na Biblioteca da África do Sul,texto de Andrew B. Smith, do qual esta descrição foi adaptada.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 24 de maio de 2017