Mapa em Que os Rios da Argentina, Paraná e Paraguai são Descritos com Maior Exatidão pela Primeira Vez, Quando uma Iniciativa foi Realizada pelo Nova Colônia até a Foz do Rio Jauru

Descrição

Este atlas da América do Sul colonial é de Miguel Antonio Ciera. Notável matemático e professor de astronomia da Universidade de Coimbra, em Portugal, Ciera fez parte de uma expedição enviada para demarcar a fronteira entre os territórios espanhois e portugueses na América do Sul, após a assinatura do Tratado de Madri, em 1750, e da Guerra dos Guaranis, em 1756. O atlas concentra-se na parte sul do continente, na bacia hidrográfica do rio Paraná, onde as fronteiras eram mais disputadas. O território, no atlas,a atual Argentina e o Paraguai, bem como parte do sudoeste do Brasil. Além dos mapas, o atlas contém ilustrações coloridas de aves locais e cenas da natureza.

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

Mappa geographicum quo flumen Argenteum, Paraná et Paraguay exactissime nunc primum describuntur, facto initio a nova Colonia ad ostium usque fluminis Iauru

Tipo de Item

Descrição Física

1 atlas manuscrito (35 folhas), desenho colorido a tinta; 37 x 28 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 18 de setembro de 2015