919 resultados em português
Um Ator no papel de Sato Norikiyo que se tornou Saigyo: Um ator no papel de Yoshinaka
A arte japonesa de Ukiyo-e ( "Fotos do mundo flutuante [ou triste]") desenvolveu-se na cidade de Edo (hoje Tóquio) durante o Período Edo ou Tokugawa (1600-1868), uma época relativamente pacífica durante a qual os shoguns Tokugawa governaram o Japão e tornaram Edo a base do poder. A tradição Ukiyo-e de pintura e estampa em xilogravura continuou pelo século XX.século XX . Esta gravura díptica do período entre 1849 e 1852 mostra Saigyō cercado por homens que tentam impedí-lo de sair de sua casa para tornar-se sacerdote. O poeta Saigyō (1118-90) nasceu ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Relatório sobre as diferentes massas de ferro encontradas na Cordilheira Oriental dos Andes
Mariano Eduardo de Rivero y Ustáriz (1798–1857) foi um cientista, geólogo, mineralogista, químico, arqueólogo, político e diplomata peruano. Depois de estudar em Arequipa, ele foi enviado em 1810, aos 12 anos, para Londres para estudar matemática, física e línguas. Em 1817, ele viajou para a École royale des mines de Paris , na França, para estudar mineralogia e química. Na França, conheceu Joseph Louis Proust, Gay-Lussac e Alexander von Humboldt. Este último se tornou seu mentor e, durante o curso de suas viagens na Europa, Rivero descobriu um novo oxalato ...
Fornecido por Universidade EAFIT
Covas de Kiev e o Monastério de Kiev-Pechersk
Este livro, publicado em Kiev em 1864, apresenta uma história e uma descrição do Monastério de Kiev-Pechersk, também chamado de Monastério das Covas de Kiev  (pechera significa cova; lavra indica um monastério de prestígio), um grande complexo fundado em 1051 por um monge chamado Antonio em covas escavadas na encosta.. O mosteiro logo se tornou o centro do cristianismo na Rússia e desempenhou um papel importante no desenvolvimento cultural local, abrigando a primeira tipografia em Kiev e cronistas, escritores, médicos, cientistas e artistas famosos. O Monastério de Kiev-Pechersk é o ...
Fábrica de louça Kiev-Mezhyhirya
Este livro é uma compilação de artigos sobre a famosa Fábrica de louça Kiev-Mezhyhirya, que fez parte do Monastério de Mezhyhirya no século X. A fábrica foi fundada no fim do século XVIII e produzia tanta quantidade de faiança que, em meados do século XIX, era a maior empresa industrial de Kiev. A primeira parte do livro é dedicada à história da fábrica e inclui detalhes e ilustrações da ampla linha de seus produtos, tanto de peças decorativas quanto de peças mais práticas. As marcas (selos) da fábrica são mostradas ...
O batistério da Catedral de Santa Sofia em Kiev
Este livro fala sobre o batistério da Catedral de Santa Sofia em Kiev. O nome da catedral não provém de um santo em particular, mas sim da Hagia Sofia do século VI em Constantinopla (atual Istambul) e significa “Sagrada sabedoria”. Concebida como “a nova Constantinopla” para representar o cristianismo oriental, a Santa Sofia de Kiev foi construída no século XI. O batistério foi construído no claustro alguns anos mais tarde e suas paredes ainda exibem os afrescos dos séculos XI a XII. No início do século XX, o batistério se ...
Rutênia dos Cárpatos
Este álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. As fotografias apresentam as igrejas em madeira que eram o centro para a prática do Cristianismo oriental (uma combinação do Catolicismo Romano com o Rito oriental ...
Retratos de N. V. Gogol: 1809–1909
Esta coleção de retratos de Nikolai Vasilievich Gogol (1809–1852) foi publicada sob os auspícios da Sociedade dos Amantes de Literatura Russa para o centenário do nascimento de Gogol, um dramaturgo, novelista e escritor russo de estórias curtas nascido na Ucrânia. O livro está dividido em duas partes: uma lista com explicações detalhadas dos retratos conhecidos do escritor nas páginas 3–15, seguida por reproduções de cada retrato. Os retratos acompanham a vida de Gogol em ordem cronológica, de 1827, antes de ele ser bem conhecido, até sua morte em ...
Cultura ucraniana: Uma breve história da vida cultural do povo ucraniano
No verão de 1918, Ivan Ogienko (1882–1972), um cientista ucraniano e figura política, pública e eclesiástica, se tornou o fundador e o primeiro presidente da universidade estadual de Kam'ianets'-Podil's'kyi (subsequentemente renomeada em sua homenagem). Mais tarde, ele deu várias palestras sobre a cultura ucraniana na universidade, nas quais este livro é baseado. A Parte I relata a história da cultura até o século XVII. Ela descreve o território da Ucrânia, juntamente com a música, poemas épicos (Cossaco) e outros importantes trabalhos literários, o idioma e ...
Nevitskoe. Ruínas do castelo
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. A construção de Nevitskoe ou Castelo de Nevitsky, 12 quilômetros ao norte de Uzhhorod, começou no século XV. Uma poderosa ...
Kostrina. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. A Igreja Pokrovska de madeira foi construída em Syanky, em 1645, e transferida para Kostrina, em 1761. Suas torres em ...
Uzhok. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. A Igreja de São Miguel em Uzhok data de 1745. Assim como muitas das igrejas da região, ela foi posteriormente ...
Iska. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. É mostrada aqui a torre de sinos e parte da Igreja de São Nicolau, o Taumaturgo, em Iska (atualmente, Izky ...
Torun'. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. É mostrada aqui a torre de sinos da Igreja de Nossa Senhora em Torun`, construída em 1809. A cidade está ...
Torun'. Povoado
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta imagem de povoado mostra a vila de Torun`, no Distrito de Mizhhiria, na Rutênia dos Cárpatos oriental. Tanto as ...
Doleshnaia Apsha. Povoado
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta cena pastoral mostra Dolní Apša (Parte Baixa de Apsha), onde os moradores se encontram na rua do povoado e ...
Doleshnaia Apsha. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. É mostrada aqui a igreja de madeira em Dolní Apša (Parte baixa de Apsha), que surge em uma colina acima ...
Repenie. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Aqui é mostrada a igreja de madeira em Repenie (também conhecida como Repinne), no Distrito de Mizhhiria, Rutênia dos Cárpatos ...
Maidanka. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. A igreja de madeira no povoado de Majdanka tem um telhado com acentuada inclinação e com beiral, como a maioria ...
Uzhchora. Povoado
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Aqui é mostrado o povoado de Uzhchora (atualmente, Ust-Chorna), abrangendo as laterais de um vale nas montanhas e envolto em ...
Saldobosh'. Cabana
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta imagem é do povoado de Saldobosh (atualmente, Steblivka) na região de Khust do Oblast da Transcarpátia no centro sul ...
Yasinya. Igrejas em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. No lado direito desta imagem está a Igreja da Ascensão de Nosso Senhor em Yasinya, construída em 1824 e típica ...
Yasinya. Igreja em madeira
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Aqui é mostrada a Igreja de São Pedro e São Paulo e sua torre de sino na área de Plytovate ...
Yasinya
Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta imagem mostra parte do povoado de Yasinya, que se estende dos bancos do Rio Tisza cercada por campos e ...
Eterna Sabedoria, uma peça escolar de Kiev
O drama escolar é uma forma teatral desenvolvida na Ucrânia nos séculos XVII e XVIII. Os estudantes atuariam em peças escritas por seus professores como uma forma de receber instrução religiosa e estudar os princípios das artes dramáticas. Supõe-se que o gênero tenha se desenvolvido a partir do verso dialógico dos ciclos de Natal e de Páscoa, populares na Europa Ocidental a partir dos séculos XII e XIII e foi difundido na Ucrânia no final do século XVI e início do século XVII. Este livro é uma edição de 1912 ...
A história do teatro ucraniano
Esta obra do crítico literário, escritor e tradutor ucraniano Ivan Steshenko é o primeiro volume de uma história do teatro ucraniano projetada para ter vários volumes. O volume está dividido em cinco capítulos. O primeiro aborda questões conceituais e históricas, como a ascensão do teatro e a transformação de cultos rituais antigos em performances. O segundo capítulo aborda os ritos folclóricos latino-germânicos e eslavos, com seus respectivos conteúdos. O terceiro capítulo discute o teatro como uma forma de disseminação do cristianismo na Ucrânia. O quarto capítulo oferece informações sobre o ...
Tratado sobre a guerra santa
A primeira imprensa persa no Irã foi estabelecida em 1816 em Tabriz, e o primeiro livro publicado pela imprensa foi Jihādīyyah (Tratado sobre a guerra santa), escrito por Abu al-Qasim ibn 'Isá Qa'im'maqam Farahani (entre 1779 e 1835, aproximadamente), o primeiro ministro da Pérsia na época. Durante o reinado do Rei Fath Ali Shah (1772–1834, reinou no período de 1797–1834), enquanto o governo Qajar estava ocupado com a administração da instabilidade no país, as potências coloniais europeias procuraram se estabelecer na região. Os britânicos competiram pela ...
Monastério de ensino da Irmandade de Kiev: um ensaio histórico
A Academia Kyiv-Mohyla teve sua origem em 1615, quando a aristocrata Galshka Gulevicheva doou terras e dinheiro para a construção da Escola do Monastério da Irmandade em Kiev. Quando o metropolitano de Kiev, Petro Mohyla (por volta de 1597–1647), chegou a Kiev e decidiu abrir uma escola em Kiev-Pechersk Lavra, a Escola do monastério da irmandade pediu que Mohyla não abrisse uma nova escola, mas utilizasse a instituição existente como base para uma nova academia. Mohyla concordou e, em 1632, a Escola do monastério da irmandade tornou-se a base ...
Kiev com sua mais antiga escola, a Academia
A Academia Kyiv-Mohyla teve sua origem em 1615, quando a aristocrata Galshka Gulevicheva doou terras e dinheiro para a construção da Escola do Monastério da Irmandade em Kiev. Quando o metropolitano de Kiev, Petro Mohyla (por volta de 1597–1647), chegou a Kiev e decidiu abrir uma escola em Kiev-Pechersk Lavra, a Escola do monastério da irmandade pediu que Mohyla não abrisse uma nova escola, mas utilizasse a instituição existente como base para uma nova academia. Mohyla concordou e, em 1632, a Escola do monastério da irmandade tornou-se a base ...
História da Academia de Kiev
A Academia Kyiv-Mohyla teve sua origem em 1615, quando a aristocrata Galshka Gulevicheva doou terras e dinheiro para a construção da Escola do Monastério da Irmandade em Kiev. Quando o metropolitano de Kiev, Petro Mohyla (por volta de 1597–1647), chegou a Kiev e decidiu abrir uma escola em Kiev-Pechersk Lavra, a Escola do monastério da irmandade pediu que Mohyla não abrisse uma nova escola, mas utilizasse a instituição existente como base para uma nova academia. Mohyla concordou e, em 1632, a Escola do monastério da irmandade tornou-se a base ...
Um manual sobre teoria e prática musical
Este manuscrito de 1825, preparado para uma edição impressa, é um manual sobre teoria e prática musical escrito em catarévussa, uma forma purista de grego moderno desenvolvida no início do século XIX e amplamente usada, na época, para fins literários e oficiais. A obra é uma introdução à notação bizantina para canto litúrgico usada na Igreja Ortodoxa Grega, e provavelmente destinava-se a estudantes de música eclesiástica bizantina. O texto provavelmente foi escrito por um escriba cujo nome era Basileios Nikolaḯdes Byzantios. Na primeira página, com estrutura semelhante à página de ...
Miscelânea de 1796 do padre Puncho
Este manuscrito intrigante foi escrito em búlgaro vernacular do final do século XIII e destinava-se à impressão. O conteúdo do manuscrito consiste em textos literários compilados de manuscritos mais antigos, livros russos impressos, textos apócrifos, uma versão reescrita da primeira crônica búlgara real, a Istoriia slavianobolgarskaia (História esloveno-búlgara) de Paisiĭ Khilendarski, além de textos de origem não especificada ou desconhecida. O trabalho de iluminura é muito rico, embora estilisticamente ingênuo. Ele inclui dois autorretratos do escriba e compilador Puncho, juntamente com diversas miniaturas, algumas com iconografia incomum. Puncho foi um ...
Idílios
Conhecido como "o livro de exercícios de Idílios", esse manuscrito autografado do grande poeta italiano, Giacomo Leopardi (1798–1837), está preservado na Biblioteca Nacional de Nápoles. Ele consiste em um livreto de páginas com linhas no qual a caligrafia do autor é clara e distinta. O livreto é o rascunho básico de Idilli (Idílios) de Leopardi escrito entre 1819 e 1821. Ele inclui La ricordanza (A lembrança) que posteriormente foi nomeada como Alla luna (À lua), L’Infinito (O infinito), Lo spavento notturno (Terror noturno), Sera del giorno festivo (A ...
História da expedição sob o comando dos capitães Lewis e Clark: Para as nascentes do Missouri e, de lá, atravessando as Montanhas Rochosas e seguindo abaixo o rio Columbia até o Oceano Pacífico
Este relato da Expedição de Lewis e Clark, publicado em 1814, baseia-se em diários detalhados escritos pelos Capitães Meriwether Lewis e William Clark, os líderes da expedição. O livro começa com "A vida do Capitão Lewis", escrito por Thomas Jefferson, que reproduz instruções detalhadas de Jefferson para Lewis quanto aos objetivos da expedição. "O objeto de sua missão é explorar o rio Missouri, e assim, suas principais correntesl, pois, através de seu curso e comunicação com as águas do Oceano Pacífico, seja Columbia, Oregan [sic],  Colorado, ou qualquer outro rio ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Peônia e Canárias
A arte japonesa de Ukiyo-e ( "Imagens do mundo flutuante [ou triste]") desenvolveu-se na cidade de Edo (atual Tóquio) durante o Período Edo ou Tokugawa (1600-1868), uma época relativamente pacífica durante a qual os shoguns Tokugawa governaram o Japão e fizeram de Edo a base do poder. A tradição Ukiyo-e, de impressão e pintura xilográfica, continuou através do século XX. Esta gravura, produzida em 1833 ou 1834, faz parte da série "Pequenas Flores", de Katsushika Hokusai (1760-1849). É incomum, pela cor de fundo e pelo tamanho. Outros exemplos desta gravura, encontrados ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Bazar de Isfahan
Esta fotografia mostra uma parte do bazar de Isfahan, Irã, em 1944. Um bazar é um mercado ou conjunto de lojas onde uma grande variedade de mercadorias e serviços são expostos em comércio. O termo "bazar" é derivado da palavra persa para "mercado", e muitos acreditam que o bazar é um dos pontos geográficos mais importantes da civilização persa. Os arqueólogos encontraram evidências da existência de bazares em diferentes regiões do Irã, e estudiosos concluíram que o desenvolvimento das cidades foi baseado não apenas no aumento populacional, mas também no ...
O incêndio na Igreja de Nossa Senhora
Essa imagem de cores vívidas mostra o incêndio na Igreja de Nossa Senhora, a catedral de Copenhague, na noite de 4-5 de setembro de 1807, durante a guerra Anglo-dinamarquesa em 1807-1814. Os ingleses iniciaram a guerra em agosto de 1807, depois que os dinamarqueses se recusaram a entregar suas frotas que os britânicos temiam cair nas mãos da França Napoleônica. As tropas inglesas desembarcaram em solo dinamarquês em 2 de setembro e começara um bombardeio de três dias na cidade. Na terceira noite do ataque, a torre da catedral foi ...
Constantinopla
Este esboço de viagem colorido da Constantinopla (atualmente Istambul), como visto desde a parte oriental da cidade de Scutari (atualmente Üsküdar) através do Estreito de Bósforo, foi feito pelo pintor dinamarquês Martinus Rørbye (1803-1848), uma figura central na "Era de Ouro" da arte dinamarquesa (1770-1900, aproximadamente). Após sua formação em Kunstakademiet, Rørbye viajou muito para a França, Itália, Grécia e Turquia. Em 1833, ele foi um dos primeiros artistas a pintar em Skagen, bem ao norte da Dinamarca, cerca de 45 anos antes dela se tornar o paraíso dos artistas ...
Cópia Bombardeada de "Defensor pacis"
Em setembro de 1807, logo no início da Guerra Anglo-Dinamarquesa de 1807-1814, a frota britânica bombardeou a cidade de Copenhague. Entre as construções atingidas estava a Igreja da Santíssima Trindade, que abrigava no sótão a Biblioteca da Universidade de Copenhague. Algumas granadas caíram pelo telhado, e este livro, que pertencia à biblioteca, estava entre os atingidos. Aqui estão mostrados o livro bombardeado e a granada. Ele é a primeira edição impressa, ironicamente, do Defensor pacis (O defensor da paz), um grande trabalho da filosofia política medieval do italiano Marsílio de ...
Floresta Białowieża
Uma parte da Floresta Białowieża se encontra no sudoeste da Bielorrússia; outra parte, no leste da Polônia, estando situada na bacia hidrográfica do Mar Negro e do Mar Báltico. Já entre o século XIV e início do século XV, imposto por Jogaila, grão-duque da Lituânia e rei da Polônia, Białowieża, sendo ainda a maior floresta intacta da Europa, se tornou um território natural protegido. Este livro, de Georgīĭ Kart︠s︡ov, contém informações sobre o local e tamanho da floresta, sua topografia, vegetação e história da caçada real do século ...
A guerra de Cabul e Kandahar
Muḥārabah-ʼi Kābul va Qandahar (A guerra de Cabul e Kandahar) é uma narrativa da primeira guerra afegã (1839 a 1842) de Munshi ʻAbd al-Karīm, um associado de Shāh Shujāʻ, o emir do Afeganistão. Mawlawī Muḥammad ʻAbd al-Karīm foi um historiador indo-persa de Lucknow, Índia, que era ativo em meados do século XIX. Ele foi um tradutor e um munshi (escritor, secretário e professor de línguas) prolífico. Ele reproduziu do árabe para o persa obras como Tārīkh al-Khulafā (História dos Califas), de al-Sūyūtī (1445 a 1505) e uma história do Egito ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Conselhos valiosos sobre assuntos do mundo e religião: autobiografia do emir Abdur Rahman Khan
Este livro é uma autobiografia de 'Abd al-Raḥmān Khān, emir do Afeganistão entre 1880 e 1901. Seu estilo, entretanto, é o de um manual de conselhos, de um espelho para os príncipes (o modelo a ser seguido). Ele é dividido em 16 capítulos, os quais foram organizados de acordo com os tópicos em que o autor dá conselhos e cita exemplos importantes oriundos de sua própria conduta. Uma subdivisão por tópicos desse tipo segue o padrão dos livros no gênero de conselhos. O colofão tem a data do mês de ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Mapa de esboço da Guiana Inglesa
Robert Hermann Schomburgk (1804 a 1865) foi um naturalista e pesquisador britânico conhecido por seus levantamentos pioneiros da Guiana Inglesa (atual Guiana). Nascido e educado na Alemanha, ele viajou para as Índias Ocidentais em 1830, onde completou o levantamento de uma das Ilhas Virgens, o qual foi publicado no Diário da Sociedade Geográfica Real. De 1835 a 1839, sob a direção da Sociedade Geográfica Real, ele explorou os rios Essequibo e Berbice no norte da América do Sul e completou um levantamento da Guiana Inglesa. Ao retornar à Europa, ele ...