170 resultados em português
Daomé
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Daomé é o Número 105 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Daomé (atual Benin) era um reino africano que surgiu provavelmente em meados do ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Alto Senegal e Níger
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Alto Senegal e Níger é o Número 107 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O Alto Senegal e Níger era uma colônia francesa, criada ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Líbia Italiana
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Líbia Italiana é o Número 127 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O estudo inclui seções sobre geografia política e física, história política, condições ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Somalilândia Italiana
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Somalilândia Italiana é o Número 128 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A Somalilândia Italiana (parte da atual República da Somália) ficou sob controle ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Costa do Marfim
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Costa do Marfim é o Número 104 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A Costa do Marfim (a atual República da Costa do Marfim ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Quênia, Uganda e Zanzibar
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Quênia, Uganda e Zanzibar é o Número 96 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Conforme explicado numa nota editorial, em 1920 o protetorado da ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Libéria
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Libéria é o Número 130 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A Libéria foi fundada originalmente pela Sociedade Americana de Colonização como terra para ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Somalilândia Francesa
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Somalilândia Francesa é o Número 109 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Somalilândia Britânica e Socrotra é o número 97 na série; Somalilândia Italiana ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Costa do Ouro
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Costa do Ouro é o Número 93 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A Costa do Ouro (atual Gana) era composta pela Colônia da ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Gâmbia
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Gâmbia é o Número 91 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Gâmbia (atual República da Gâmbia) era um território controlado pelos britânicos, localizado na ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Sudão Anglo-Egípcio
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Sudão Anglo-Egípcio é o Número 98 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Abrangendo os territórios da atual República do Sudão e República do Sudão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Angola (incluindo Cabinda)
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Angola (incluindo Cabinda) é o Número 120 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Angola (atual República de Angola) era uma colônia portuguesa localizada na ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Niassalândia
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Niassalândia é o Número 95 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Niassalândia (atual Malawi) foi assim denominada por causa do Lago Niassa. Em setembro ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Partilha da África
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Partilha da África é o Número 89 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O estudo trata do processo pelo qual, até o final do ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Nigéria
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Nigéria é o Número 94 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A colônia e protetorado da Nigéria era um território administrado pelos britânicos, criada ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Moçambique
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Moçambique é o Número 121 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. A presença portuguesa neste grande território ao longo da costa leste da África ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Mauritânia
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Mauritânia é o Número 106 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O livro trata de geografia política e física, história política, condições sociais e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Serra Leoa
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Serra Leoa é o Número 92 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O livro trata de geografia política e física, história política, condições sociais ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Sudoeste Africano
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Sudoeste Africano é o Número 112 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O livro trata de geografia política e física, história política, condições sociais ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Guiné Espanhola
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Guiné Espanhola é o Número 125 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O livro trata de geografia política e física, história política, condições sociais ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Marrocos Espanhol
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Marrocos Espanhol é o Número 122 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Na época que esse estudo foi escrito, Marrocos Espanhol era composto de ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Saara Espanhol
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Saara Espanhol é o Número 124 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O Saara Espanhol foi um protetorado espanhol localizado na costa atlântica da ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Tanganica (África Oriental Alemã)
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Tanganica (África Oriental Alemã) é o Número 113 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. O protetorado da África Oriental Alemã foi criado em 1889 ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Togolândia
Em preparação para a esperada conferência de paz após a Primeira Guerra Mundial, na primavera de 1917, o Ministério das Relações Exteriores britânico criou um departamento especial responsável pelo planejamento de informações de base que seriam usadas pelos delegados britânicos durante a conferência. Togolândia é o Número 110 em uma série de mais de 160 estudos produzidos por este departamento, a maioria dos quais foi publicada após a conclusão da Conferência de Paz de Paris, em 1919. Localizada no Golfo da Guiné, na África Ocidental, Togolândia foi um protetorado alemão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Os grandes monumentos dos povos antigos no vale do Nilo
Kitāb al-athar al-jalīl li-qudamāʼ Wādī al-Nīl (Os grandes monumentos dos povos antigos no vale do Nilo) é uma história da antiga civilização egípcia escrita por Ahmad Najib, funcionário do Departamento de Antiguidades egípcio sob a direção de Jacques de Morgan (de 1857 a 1924). Najib publicou a obra como um livro didático a pedido do ministro da educação Ya’qub Artin (de 1842 a 1919) e alegou que esse foi o primeiro esforço feito por um egípcio para instruir seus compatriotas sobre as maravilhas históricas de seu país. O livro ...
Trinta e dois anos com o islã (de 1832 a 1864)
Trente-deux ans a travers l'Islam (de 1832 a 1864) (Trinta e dois anos com o islã [de 1832 a 1864]) é um livro de memórias do soldado e diplomata francês Léon Roches (de 1809 a 1901), que conta sua carreira no Norte da África e em outras partes do Oriente Médio, incluindo uma breve permanência em Meca. A história se baseia no seu diário e em correspondências que ele examinou após sua aposentadoria do serviço público. Começando com sua primeira chegada à Argélia Francesa, em 1832, o autor narra ...
Península do Sinai, lado leste. Wādi Ṭāba. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai, lado leste. Ilha de Greya ou Jazīrat Firʻawn com um castelo medieval. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai, lado leste. Ex-posto egípcio de Nuwaybi‘. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Oásis de Ḥuḍra. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Wādi al-Saʻāl. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Mosteiro de Santa Catarina. Vista geral a partir do norte. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Mosteiro de Santa Catarina. Jardim do mosteiro. Sahl al-Rāḥah ao fundo. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Jabal Mūsá (Monte Sinai). Considerado desde o século VI a montanha do recebimento da lei [onde Moisés recebeu os dez mandamentos]. A estrada pavimentada foi construída pelo quediva ʻAbbās I. 1914
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Jabal Mūsá (Monte Sinai). Capela cristã (ortodoxa grega) em seu pico (2.250 metros)
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Mosteiro de Santa Catarina, visto do canto nordeste. Começando pela direita: casa dos peregrinos; à esquerda dela há uma biblioteca com o telhado de duas águas, depois um minarete e uma moderna torre de sino; e atrás está a antiga igreja do imperador Justiniano. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai, Sahl al-Rāḥah, norte do Mosteiro de Santa Catarina. Segundo a tradição, o acampamento dos filhos de Israel durante o recebimento da lei por Moisés. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Lado ocidental, Jabal Sirbāl visto do leste. 2.300 metros de altura. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Lado ocidental, paisagem ao norte de al-Ṭūr. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Lado ocidental, esvaziamento do Wādi Fīrān no planalto costeiro. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Lado ocidental, costa do Mar Vermelho perto dos contrafortes de Abū Zanīmah. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Península do Sinai. Lado ocidental, ʻUyūn Mūsá (mananciais de Moisés) a sudeste de Suez. 1910
Esta imagem é de Bilder aus Palästina, Nord-Arabien und dem Sinai (Imagens da Palestina, Arábia do Norte e do Sinai), um álbum de 105 fotografias de locais no Oriente Médio tiradas pelo arqueólogo e orientalista alemão Bernhard Moritz (de 1859 a 1939). O álbum inclui paisagens de Jerusalém, de Meca, Medina, Hejaz e Jidá, na Arábia Saudita, de Petra, na Jordânia, e do Monte Sinai, no Egito. Também são mostradas imagens externas e internas de templos, mesquitas e restos arqueológicos; cenas de ruas em Meca e Medina; pequenas aldeias e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso