71 resultados em português
Para que a liberdade não desapareça da face da terra. Compre títulos
Em 1917 os EUA ingressaram na Grande Guerra, assim era conhecida a Primeria Guerra Mundial na época. Iniciou-se uma campanha nacional de propaganda para convencer os americanos a apoiarem o esforço de guerra. Algumas das imagens utilizadas nesta campanha se tornaram parte permanente da iconografia cultural Americana, particularmente o famoso pôster de J.M. Flagg de 1917 do Tio Sam dizendo "Eu quero VOCÊ". Além de recrutar soldados para o combate, o governo dos Estados Unidos emitiram os chamados "Títulos da Liberdade" para ajudar no financiamento deste esforço de guerra ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Capitólio dos Estados Unidos, Washington, DC: Elevação Frente Oriental, Rendering
A construção do Capitólio, o edifício que abriga o Congresso dos Estados Unidos, começou em 1793, e foi concluído em grande parte em 1865, por ocasião do término da segunda cúpula do Capitólio. Seus principais arquitetos foram William Thornton (1759-1828), B. Henry Latrobe (1764-1820), Charles Bulfinch (1763-1844), e Thomas Ustick Walter (1804-87). Este desenho em escala, de Alexander Jackson Davis (1803-92), feito em tinta, aquarela e camada fina de tinta à base de águal, mostra a fachada leste do Capitólio, tal como era em 1834. Após o término de seus ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shakhi Zinda) e mausoléus adjacentes. Sepultura onde está o sepulcro do santo. Sepultura do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shakhi Zinda), falecido em 57 a.H.
Este esboço do interior do Mausoléu de Kusam-ibn-Abbas, na ala norte dos santuários na necrópole Shankhi Zinda em Samarcanda, faz parte da seção arqueológica do álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus sucessores. O ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Seção de coluna no exterior da fachada do mausoléu de Kutuluk Turdi Bek Aka
Esta aquarela de uma ornamentação da fachada do Mausoléu de Shadi Mulk na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. Os principais compiladores do material visual foram Aleksandr L. Kun, orientalista ligado ao exército, e Nikolai V. Bogaevskii, engenheiro militar. Eles dedicaram atenção especial à arquitetura ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Azulejos no exterior do mausoléu
Esta aquarela da ornamentação da fachada do mausoléu de Emir-Zade na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. Os principais compiladores do material visual foram Aleksandr L. Kun, orientalista ligado ao exército, e Nikolai V. Bogaevskii, engenheiro militar. Eles dedicaram atenção especial à arquitetura islâmica de ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Aine Khane (Emir Mussa). Detalhe de canto acima de uma janela na fachada norte
Esta aquarela de uma ornamentação da fachada do Mausoléu de Tuman-Aka na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Tamerlão e seus sucessores. Construído no local ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Khodzha Akhmed. Seção das inscrições na fachada frontal
Esta aquarela de um detalhe da fachada do Mausoléu de Khodzha Akhmed na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus sucessores. Shah-i ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Khodzha Akhmed. Seção das inscrições na fachada frontal
Esta aquarela de um detalhe da fachada do Mausoléu de Khodzha Akhmed na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus sucessores. Shah-i ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Khodzha Akhmed. Azulejos da fachada
Estas duas aquarelas de detalhes da fachada do Mausoléu de Khodzha Akhmed na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda fazem parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus sucessores. Shah-i ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Khodzha Akhmed. Inscrições no painel do nicho em arco
Esta aquarela de um painel decorativo de um mausoléu desconhecido na ala norte dos santuários da necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão) faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Abu Tengi. Exemplo de detalhes do interior
Esta aquarela da ornamentação cerâmica do interior do mausoléu de Usto Ali na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Tamerlão e seus sucessores. Shah-i Zindah ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Abu Tengi. Exemplo de detalhes do interior
Esta aquarela de um ornamento circular em cerâmica da fachada do mausoléu de Usto Ali na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Tamerlão e seus ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu do Emir Kutuluk Turdi Bek Aka. Azulejos de seções diferentes do mausoléu
Esta aquarela de detalhes da fachada em cerâmica do mausoléu de Shadi Mulk na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. Os principais compiladores do material visual foram Aleksandr L. Kun, orientalista ligado ao exército, e Nikolai V. Bogaevskii, engenheiro militar. Eles dedicaram atenção especial à ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu do Emir Kutuluk Turdi Bek Aka. Azulejos de seções diferentes do mausoléu
Esta aquarela de detalhes da fachada em cerâmica do mausoléu de Shadi Mulk na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. Os principais compiladores do material visual foram Aleksandr L. Kun, orientalista ligado ao exército, e Nikolai V. Bogaevskii, engenheiro militar. Eles dedicaram atenção especial à ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de uma coluna (pilar)
Este desenho de um fragmento da fachada de um mausoléu desconhecido na ala norte dos santuários da necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão) faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção da inscrição na fachada
Esta aquarela de um fragmento da fachada de um mausoléu desconhecido na ala norte dos santuários da necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão) faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de inscrição acima de uma janela
Esta aquarela mostra um detalhe ornamental do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de inscrição do friso dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra um fragmento decorativo do interior de um mausoléu da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de detalhe da parede dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra um detalhe decorativo do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de detalhe da parede dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra um detalhe decorativo do interior do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Shirin Bika. Inscrição do lado direito
Esta aquarela de um detalhe da fachada do mausoléu de Shirin Bika Aka na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda (Uzbequistão) faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de detalhe da parede
Esta aquarela mostra um detalhe decorativo do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de decoração em estalactite dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra um detalhe decorativo do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de decoração em estalactite dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra um detalhe decorativo do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de decoração em estalactite dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra um detalhe decorativo da cerâmica do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seção de decoração em estalactite dentro do mausoléu
Esta aquarela mostra detalhes decorativos da cerâmica do mausoléu nordeste da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). Os desenhos fazem parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seções de um detalhe da fachada
Este desenho de um fragmento decorativo da fachada de um mausoléu desconhecido na ala norte dos santuários da necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão) faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Seções de um detalhe da fachada
Este desenho de uma decoração da fachada de um mausoléu desconhecido na ala norte dos santuários da necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Sha Arap. Azulejos entrelaçados da decoração em estalactite
Esta aquarela mostra elementos de cerâmica de um mausoléu da ala norte dos santuários na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão). O desenho faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão, em seis volumes, que foi produzido entre 1871 e 1872, sob o patrocínio do general Konstantin P. von Kaufman, o primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Uldzh Inak. Parte dos azulejos que decoram a cúpula do mausoléu
Este desenho em aquarela dos azulejos decorativos da cúpula do mausoléu de Uldzh Inak na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão) faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu do Emir Assad. Azulejo das margens frontais do Mausoléu de Emir Abu Tengi
Este desenho em aquarela dos azulejos decorativos do mausoléu dedicado ao Emir Abu Tengi na necrópole de Shah-i Zindah (Samarcanda, Uzbequistão), faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu do Emir Assad. Azulejos de diversas seções do mausoléu do Emir Assad
Estes desenhos em aquarela da ornamentação em cerâmica de um mausoléu desconhecido na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda fazem parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedicou atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Tamerlão e seus sucessores. É importante ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Antiguidades de Samarcanda. Madrassa de Bibi Khanym. Mesquita congregacional (mesquita de sexta-feira). Amostras dos azulejos utilizados para decorar paredes externas
Estes esboços de ornamentos em cerâmica policromados da principal mesquita de Bibi Khanym, em Samarcanda (Uzbequistão), fazem parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871-1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus sucessores. Construído entre 1399-1405 com os espólios ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Álbum do Turquestão, seção arqueológica
Esta obra é a “Seção Arqueológica” do Álbum do Turquestão, que contém um registro visual detalhado da arquitetura islâmica de Samarcanda como se encontrava logo após a conquista pelos russos na década de 1860. Durante o período que compreende a metade até o final do século XIX, o Império Russo expandiu-se em direção à Ásia Central, anexando territórios localizados nos atuais Uzbequistão, Cazaquistão, Turcomenistão, Tajiquistão e Quirguistão. O exército russo ocupou Tashkent em 1865 e Samarcanda em 1868. O Czar Alexandre II aprovou a criação de um governo-geral do Turquestão ...
Fornecido por Biblioteca do Congresso
Um Médico Vestindo um Traje Preventivo contra a Peste do Século Dezessete
Esta pintura em aquarela retrata os trajes vestidos pelos médicos em atendimento a pacientes atingidos pela peste no século XVII. O traje foi descrito por Jean Jacques Manget (1652-1742) em seu Traité de la peste (Tratado sobre a peste), publicado em Genebra em 1721. O traje possuía um jaleco de couro marroquino, embaixo do qual se vestia uma saia, calças e botas, todas de couro, e que se encaixavam uma na outra. A peça que cobria o nariz, uma espécie de bico comprido, era equipada com substâncias aromáticas, e os ...
Fornecido por Biblioteca Wellcome
Cena no terraço do Pagode Shwedagon
Essa aquarela feita pelo tenente Joseph Moore, do 89º Regimento do Exército Britânico, retrata a cena no terraço do Templo de Dagon (Shwedagon Pagoda), em Rangum, Birmânia. Ela faz parte de uma série de imagens desenhadas por Moore em água-tinta e posteriormente publicadas em Londres, entre 1825 e 1826, que foi chamada de Dezoito Paisagens dos Arredores de Rangum. As gravuras apresentam várias cenas da Primeira Guerra Anglo-Birmanesa (1824-1826), na qual os britânicos lutaram para deter o expansionismo birmanês e sua penetração na Índia Britânica. Rangum foi tomada em maio ...
A tomada de Constantina, Argélia, 1837
A aquarela não assinada datada de 1837 retrata as forças francesas e nativas avançando pelos penhascos e por uma fenda no muro da fortaleza da cidade de Constantina, na Argélia. A França tentava garantir o controle da Argélia, mas enfrentava a oposição das tribos locais de Abd el Kader (cerca de 1807-1883), emir de Mascara. Em outubro de 1837, a França cercou e conquistou a cidade, uma vitória que permitiu ao país assegurar uma série de portos, sem, no entanto, obter nenhum controle sobre o interior do país. Além de ...
Bandidos norte-africanos e árabe, 1845 (aprox.)
Essa aquarela foi pintada por Frédéric Goupil-Fesquet (1817-1878), artista francês de gênero e história e pioneiro na arte da fotografia. Em 1839-1840, ele acompanhou seu tio, o grande pintor francês Horace Vernet (1789–1863), em uma visita à África do Norte e ao Oriente Médio. Em 1843, Goupil-Fesquet publicou um relato de suas viagens, entitulado Voyage d’Horace Vernet en Orient (Viagem de Horace Vernet pelo Oriente), que incluía 16 lâminas feitas por Goupil-Fesquet. Durante a viagem, ele tirou algumas das primeiras fotografias daguerreótipas da região e seus monumentos. Essa ...
Uma mulher galla
Em 1868, o jornal The Illustrated London News encarregou o artista escocês William Simpson (1823-1899) de cobrir uma campanha militar iniciada pelos britânicos contra a Abissínia (atual Etiópia) para resgatar diversos oficiais e missionários britânicos sequestrados pelo imperador Theodore (também chamado Tewodros II, que reinou entre 1855 e 1868). Esta encomenda foi o primeiro grande trabalho de Simpson para o jornal The Illustrated London News e o início de uma longa relação com o jornal, que terminou apenas com sua morte. Embora a principal tarefa de Simpson tenha sido documentar ...
Theodore, Negus Hegyst de Abissínia
Em 1868, o jornal The Illustrated London News encarregou o artista escocês William Simpson (1823-1899) de cobrir uma campanha militar iniciada pelos britânicos contra a Abissínia (atual Etiópia) para resgatar diversos oficiais e missionários britânicos sequestrados pelo imperador Theodore (também chamado Tewodros II, que reinou entre 1855 e 1868). Essa incumbência foi o primeiro grande trabalho de Simpson para o jornal The Illustrated London News e o início de uma longa relação com o jornal, que terminou apenas com sua morte. Este retrato representa Theodore. Depois que os reféns foram ...
Behar - "O rico e o pobre" ou "O rajá e os mendigos"
Essa aquarela pertence a uma coleção de 18 pinturas de temas indianos de William Tayler (1808-1892) datadas de 1842 a 1845. Tayler era um funcionário civil da Companhia Britânica das Índias Orientais, que viveu na Índia de 1829 até 1867. Ele se tornou comissionário de Patna em 1855 e, em 1857, se envolveu na supressão da Revolta dos Cipaios. Suas medidas contra a população local foram vistas como excessivamente agressivas por seus superiores, foi suspenso e recebeu uma nomeação de escalão mais baixo. Um artista amador entusiástico, Tayler esboçou e ...
Nepal - "Primeiro ponto de parada no rio Raptee”
Essa aquarela pertence a uma coleção de 18 pinturas de temas indianos de William Tayler (1808-1892) datadas de 1842 a 1845. Tayler era um funcionário civil da Companhia Britânica das Índias Orientais, que viveu na Índia de 1829 até 1867. Ele se tornou comissionário de Patna em 1855 e, em 1857, se envolveu na supressão da Revolta dos Cipaios. Suas medidas contra a população local foram vistas como excessivamente agressivas por seus superiores, foi suspenso e recebeu uma nomeação de escalão mais baixo. Um artista amador entusiástico, Tayler esboçou e ...