Descrição

  • Este fragmento caligráfico inclui uma ruba'i (quadra iâmbica pentâmetro), escrita diagonalmente em preto, na escrita Nasta'liq, delineada em faixas de nuvens sobre um plano de fundo dourado. O painel de texto tem diversas molduras monocromáticas e é colado em uma folha rosa maior fortalecida por papelão. No canto superior direito, uma invocação a Huwa al-fard al-ahad (Deus, "o Único e Exclusivo") inicia o poema. Os versos subsequentes dizem: "Oh, Rei, o cortejo da boa fortuna o acompanha. / Levante-se se pretende conquistar o mundo. / Com tal cume de perfeição, forme a presença do seu governo. / Você conhece e serve os corações conscientes." Este tributo poético a um rei o encoraja a derrotar seu inimigo com o apoio de seu fiel cortejo e boa fortuna. O tributo também o aconselha a conhecer e a servir ao seu povo — "aqueles com corações conscientes". No canto inferior esquerdo, o calígrafo, 'Ali, declara que é o autor do trabalho. 'Ali pode ser identificado como Mīr ʻAlī Ḥusaynī Haravī (aproximadamente 1476–1543), um calígrafo que exerceu sua atividade na cidade de Herāt (atualmente, no Afeganistão) durante o século XVI, até que foi levado para Bucara (atualmente no Uzbequistão) entre 1528 e 1529 pelo governante shaybanida 'Ubayd Allah Khan Uzbek. Mir ʻAlī era não apenas um grande calígrafo, mas um poeta por seu próprio mérito, que compôs diversos qit'a (exemplares de versos) em homenagem aos seus patronos. Este pode ter sido um dos poemas que ele escreveu para um benfeitor real.

Calígrafo

Idioma

Título no Idioma Original

  • Quatrain for a King

Lugar

Período

Tópico

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

  • 20,3 x 17,7 centímetros

Coleção

Instituição