Descrição

  • Esta fotografia do mausoléu no Complexo Memorial de Khodzha Abdu-Berun, em Samarcanda (Uzbequistão), faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871-1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial ao patrimônio arquitetônico islâmico de Samarcanda. O Complexo Memorial de Khodzha Abdu-Berun (khanaka) foi dedicado a um juiz árabe do clã Abdi, reverenciado no século IX. A palavra berun (externo) foi adicionada para simbolizar seu local adjacente a um cemitério nos arredores de Samarcanda e para diferenciá-lo de outro complexo que celebrava o sábio localizado dentro da cidade. Embora a legenda fotográfica original identifique a estrutura como uma mesquita, ela é mais precisamente um khanaka que inclui um mausoléu (mazar), construído na primeira metade do século XVII por Nadir Divan-Begi, vizir do governante de Búcara Iman-Quli Khan. É mostrada aqui a fachada que contém o arco iwan (saguão abobadado, com paredes em três lados, e uma extremidade aberta), na sombra, e a fachada lateral com arcada cega. A estrutura culmina em um cilindro e uma cúpula. Apesar dos danos generalizados, os fragmentos da decoração em cerâmica policromada são visíveis nas partes superiores da fachada e no cilindro, que exibe uma grande faixa de inscrição.

Compilador

Patrocinador

Informação da Publicação

  • São Petersburgo, Rússia

Idioma

Título no Idioma Original

  • Самаркандския древности. Мечеть Ходжи-Абду-Бирун. Вид мечети с северо запада

Lugar

Período

Tópico

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

  • 1 impressão fotográfica: albume

Observações

  • Ilustração em: Álbum do Turquestão, seção arqueológica, 1871-1872, parte 1, volume 2, placa 148.

Coleção

Instituição