Bíblia do Diabo

Descrição

O Codex Gigas (ou Biblía do Diabo), é um volumoso manuscrito do século XIII, da Bohemia, uma das históricas terras tchecas. Famosa por seu tamanho e sua impressionante representação do diabo, em página inteira (encontrada na página 577), contém um número de partes: o Velho e o Novo Testamento, duas obras de Josephus Flavius, Etimologias de Isidoro de Sevilha, Etymologieso livro-padrão para o ensino de medicina na Idade Média conhecido como Ars medicinae (A arte da medicina), a Chronica Boëmorum (Crônica dos Boêmios) do século XII, de Cosmas de Praga, e um calendário. De especial interesse são as seções que testemunham a origem boemia do manuscrito e sua história repleta de acontecimentos. No final do século XVI, o Codex foi incorporado às coleções do governante Rudolph II, da Casa de Habsburgo. Durante o cerco sueco de Praga, no final da Guerra dos Trinta Anos (1648), o manuscrito foi levado como troféu de guerra e transferido para Estocolmo.

Última Atualização: 31 de janeiro de 2014